EMPRESAS

Flybondi desmente que deixará o Brasil

|


Divulgação
Low cost argentina Flybondi voa para três destinos brasileiros
Low cost argentina Flybondi voa para três destinos brasileiros
A low cost Flybondi fica no Brasil e pretende aumentar a quantidade de voos no País conforme sua frota cresce. A companhia foi a público nesta semana para classificar como boato as notícias que veicularam recentemente sobre sua saída precoce de nosso território. Na verdade, a notícia do Estado de S.Paulo à qual se refere apontava, no último domingo, que não só a Flybondi, mas outras aéreas de baixo custo se despediriam do Brasil.

Segundo comunicado da Flybondi, que se classifica como a terceira maior aérea da Argentina mesmo sendo tão jovem, seus aviões estão saindo cheios e pontualmente nas rotas com Brasil, que ligam o Rio de Janeiro, São Paulo e Florianópolis com Buenos Aires.

A low cost ainda argumenta que "se o brasileiro perceber que pode viajar a um preço 40% mais barato do que no passado, isso o encorajará a fazer mais viagens ou, pelo menos, manter as que já pagou menos"

Confira o comunicado na íntegra:

Caros,

No último domingo, um artigo foi publicado no jornal O Estado de S. Paulo sobre o cenário das companhias aéreas low cost no Brasil e, nós da Flybondi, gostaríamos de esclarecer alguns pontos que não se mostraram corretos no que diz respeito à nossa empresa.


A Flybondi não planeja deixar o Brasil e temos cada vez mais planos de crescer com nossa frota e servir outros destinos brasileiros, além de voar para outras cidades da Argentina e até para outros países da região. Até o momento a resposta do mercado é mais do que satisfatória, temos um volume de vendas muito forte nas três rotas operacionais e, de acordo com nossas estimativas, o número operado no final está alinhado com as expectativas levantadas.

Começamos a operar no Brasil em outubro, com a primeira rota sendo Rio-Buenos Aires, seguida pela rota Florianópolis-Buenos Aires em dezembro, São Paulo-Buenos Aires em janeiro e, no início de março, abriremos a rota Porto Alegre-Buenos Aires, com um total de 14 voos por semana entre Brasil-Argentina. Nosso desempenho, em três meses no mercado brasileiro, já ultrapassou 21 mil passageiros, com 95% de pontualidade em nossos voos e 85% de ocupação.

A crise na Argentina não foi um obstáculo, mas tornou os planos de expansão mais complexos e mais lentos para o cumprimento de alguns objetivos. Mas devemos ter em mente que a Flybondi nasceu como uma startup: em seus dois anos de operação, alcançou um crescimento sustentado de suas operações e negócios. Já é a terceira maior companhia aérea da Argentina, com 9% de participação no mercado de voos domésticos. Por sua vez, é a companhia aérea com a melhor ocupação do país (89%), juntamente com a Latam.


Atualmente, 1 em cada 5 passageiros escolhe voar por companhias aéreas de baixo custo. No que diz respeito à situação no Brasil, sempre dizemos que em contextos de crise, baixos custos podem ser grandes aliados do consumidor e do segmento corporativo. Se o brasileiro perceber que pode viajar a um preço 40% mais barato do que no passado, isso o encorajará a fazer mais viagens ou, pelo menos, manter as que já pagou menos.

Somos uma companhia aérea de baixo custo, seguindo corretamente todos os regulamentos, com um plano de negócios de longo prazo e com muita expectativa de crescimento e expansão no Brasil.

Atenciosamente,
Equipe Flybondi
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA