Latam inicia processo e apura más práticas na diretoria comercial

|


Divulgação

"A Latam Brasil confirma que ingressou com processo para averiguação de documentos relativos às práticas de gestão da diretoria comercial entre 2018 a 2020. Contudo, o processo corre em segredo de justiça, razão pela qual a empresa não irá tecer comentários."

Com essa nota breve, a Latam Airlines Brasil confirma o que já corre há pelo menos dois meses nos grupos de WhatsApp de consolidadores: a suspeita de um possível esquema de más práticas envolvendo a diretoria comercial da empresa aérea entre 2018 e 2020 e pelo menos um grande player do mercado, mais especificamente na consolidação. Pela nota, a Latam mostra que já acionou a justiça para resolver o que foi levantado nessas investigações.

Como diz a nota da Latam, ela não irá citar nomes dos envolvidos, por causa do segredo de justiça, mas o Portal PANROTAS apurou que o suposto esquema, que está sendo investigado, pode chegar a algumas dezenas de milhões de reais, se confirmado. Também a Latam não revelou como tudo foi descoberto. A companhia ainda não se posicionou sobre o que fará para que essa suposta prática não aconteça mais.

O Portal PANROTAS também obteve informações de que o atual diretor de Vendas e Marketing da Latam, Diogo Elias, que assumiu no ano passado, comanda parte das investigações pessoalmente e já visitou todos os grandes parceiros da empresa, apurando o caso e recolhendo provas para confrontar com as políticas de compliance da companhia aérea.




 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA