Lufthansa Group compra cinco 787 Dreamliners adicionais

|

Divulgação
Lufthansa Group compra cinco 787 Dreamliners adicionais
Lufthansa Group compra cinco 787 Dreamliners adicionais
A Boeing e o Lufthansa Group acabam de anunciar a continuação da modernização da frota das companhias aéreas do grupo com um novo pedido de cinco 787-9 Dreamliners. A solicitação apoia os esforços da empresa para reduzir a complexidade de seus equipamentos de longa distância e melhorar o desempenho ambiental geral, introduzindo jatos widebody mais econômicos.

O pedido inicial, feito em 2019, foi de 20 aeronaves B787-9. O novo contrato de compra eleva a carteira de pedidos do grupo para 25. O segundo membro da família Dreamliner widebody pode voar até 20% mais passageiros e cerca de 25% mais carga, enquanto reduz o uso de combustível e as emissões em até 25% em comparação com os aviões que substitui.

Desde a entrada em serviço em 2011, a eficiência de combustível, flexibilidade e alcance da família 787 permitiram que as companhias aéreas abrissem mais de 300 novas rotas sem escalas e reduzissem as emissões de carbono em 80 bilhões de libras.

"Estamos muito satisfeitos com o fato de mais cinco Boeing 787-9 acelerarem a modernização de nossa frota de longa distância. Com essas aeronaves enviamos um forte sinal de responsabilidade ambiental dentro do grupo. Além disso, reduziremos nossos custos operacionais e forneceremos aos passageiros uma experiência de viagem de última geração", diz o diretor de Operações da Deutsche Lufthansa AG, Detlef Kayser.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA