Gol amplia oferta de voos para Miami e Orlando saindo de Brasília

|


Divulgação
Voos da Gol ligando Brasília aos destinos de Miami e Orlando passam a ser diários
Voos da Gol ligando Brasília aos destinos de Miami e Orlando passam a ser diários
Retomadas nos dias 13 e 17 de maio, respectivamente, as bases internacionais da Gol Linhas Aéreas em Orlando (MCO) e Miami (MIA) passam a contar a partir de hoje (1º) com saídas diárias entre o Brasil e os Estados Unidos, a partir do aeroporto internacional de Brasília (BSB) – ante as quatro frequências semanais diretas oferecidas até então. Essa expansão representa um aumento de 80% na oferta de voos e assentos pela Gol entre a capital federal e Orlando e Miami.

Os voos permanecem nos mesmos horários, favorecendo os clientes que podem fazer conexões rápidas em Brasília e realizar a jornada rumo à Flórida em um único dia. “A Gol está preparada para fazer a conexão doméstica para os EUA em apenas 50 minutos, especialmente para voos de conexão provenientes de Congonhas, Guarulhos, Rio Galeão, Santos Dumont, Salvador, Fortaleza, Belém, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre”, destaca o gerente de Planejamento Estratégico de Malha Aérea da companhia aérea, Bruno Balan.

O voo diário G3 7602 decola em Brasília às 9h50 e pousa em Orlando às 17h10 (horário local). A volta de Orlando para a capital federal (voo G3 7601) acontece às 22h10, com aterrissagem em território brasileiro às 7h10 do dia seguinte. Para Miami, as decolagens são às 10h em Brasília (voo G3 7748), e o pouso, às 17h05 na cidade americana. O voo de volta, G3 7749, é às 21h30, chegando em Brasília às 6h20.

Como diferencial, passageiros das regiões Sul, Centro-Oeste, Norte e Nordeste levam menor tempo de viagem ao escolher Brasília como ponto de deslocamento para o hemisfério norte. Além do mais, nos aeroportos de São Paulo/Congonhas (CGH) e Rio de Janeiro/Santos Dumont (SDU), a companhia disponibiliza check-ins exclusivos aos clientes que se destinam a Orlando e Miami.

As operações da Gol para os Estados Unidos são feitas com ao Boeing 737 Max, que, em configuração internacional, possui capacidade para 176 passageiros.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA