PARCERIAS

Aéreas entram no Cade contra parceria de Azul e Correios

De acordo com informações do Estadão, a aliança de joint venture proposta entre Azul Cargo, o braço de cargas da Azul, e os Correios preocupa as companhias aéreas Latam Airlines e Gol. Ambas as empresas foram convocadas pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para se manifestarem sobre o caso.

A publicação aponta que a Azul realizaria exclusivamente o transporte aéreo doméstico de toda a carga dos Correios, o que prejudicaria os outros players do mercado.

Ambas as aéreas contestam, em suas manifestações ao Cade, que os Correios não abriram uma licitação para firmar a parceria e, tampouco, ofereceram o negócio a outras empresas concorrentes da Azul no mercado de transporte aéreo de carga.

Divulgação/Azul
Procurada pelo Portal PANROTAS, a Latam expressou, por meio de um comunicado, que não aprova a sociedade. “A Latam Airlines Brasil informa que apresentou ao Cade argumentos contrários à joint venture entre a Azul e Correios por considerar que a operação pode desequilibrar a competitividade do setor.”

Também contatada, a Gol preferiu não se manifestar sobre o assunto, mas esclareceu que aguarda o andamento do caso junto ao Cade. Já a Azul respondeu à PANROTAS que não irá se posicionar a respeito.

No documento de ato de concentração econômica, Azul e Correios destacam que a "operação não gera uma sobreposição horizontal no mercado brasileiro e afirmam que a nova empresa e os Correios continuarão concorrendo entre si em seus mercados de atuação", revela o Estadão.

Ambas as aéreas defendem ainda que a aliança pode afetar o ambiente concorrencial.



*Fonte: Estadão

conteúdo original: https://bit.ly/2peq9Oz
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora