Voepass é a nova aérea associada à Alta

|


Divulgação
A Voepass é a aérea brasileira mais antiga em operação, com 25 anos de atividades
A Voepass é a aérea brasileira mais antiga em operação, com 25 anos de atividades
A Associação Latino-Americana e do Caribe de Transporte Aéreo (Alta) acaba de anunciar a entrada da Voepass Linhas Aéreas como sua nova associada. Companhia aérea brasileira mais antiga em operação, a Voepass opera no segmento regional com uma frota de 13 aeronaves ATR 72 e ATR 42 em 33 cidades em todas as regiões do Brasil, incluindo oito destinos na região amazonônica e sendo detentora de slots no Aeroporto de Congonhas (SP). A aérea opera sob certificação IOSA, em codeshare e interline com as empresas congêneres Latam Airlines e Gol Linhas Aéreas, também membros da Alta.

"Se tornar membro da ALTA é motivo de muito orgulho para a Voepass. A associação, que tem um importante papel no setor da aviação, compartilha conosco os mesmos objetivos, tais como garantir um transporte aéreo seguro em todos as suas vertentes, eficiente e responsável, inclusive no quesito ambiental. Temos certeza de que será uma parceria de sucesso e mais uma forte contribuição para o desenvolvimento da aviação sul-americana, apoiando novos projetos para ampliação da malha aérea, da conectividade e do fortalecimento do setor”, disse o CEO da Voepass Linhas Aéreas, Eduardo Busch.

A Alta comemora a adesão da Voepass ao seu grupo de mais de 100 associados, que também congrega organizações e empresas fornecedoras do setor de aviação. "Estou muito feliz em receber a Voepass, uma companhia aérea que vem crescendo de forma consistente no Brasil, ligando todos os cantos do país e levando os benefícios da aviação a mais lugares. Conectividade gera desenvolvimento e é por isso que a aviação regional tem papel fundamental para o bem-estar socioeconômico da população. A chegada da Voepass à Alta reforça o trabalho que a região vem desenvolvendo para ampliar sua capilaridade e fortalecer o crescimento de tantos setores da economia", ressaltou o diretor-executivo e CEO da Alta, José Ricardo Botelho.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA