Movida

Marcel Buono   |   13/02/2019 13:18

Veja as rotas mais baratas e mais caras do País por km

O levantamento, que foi dividido entre rotas domésticas, curtas, longas e mais buscadas, levou em consideração a média de preços de bilhetes ao longo de 2018

O metabuscador Skyscanner divulgou uma pesquisa comparando o preço de passagens aéreas comercializadas no Brasil com as distâncias envolvidas nas mais diferentes rotas disponíveis no mercado. Resultado: o voo entre São Paulo e Belém, no Pará, é o que possui a melhor relação preço por quilômetro, enquanto o trecho Recife e Fernando de Noronha é o mais caro proporcionalmente.

Fernando de Noronha é um dos destinos mais desejados pelos brasileiros
Fernando de Noronha é um dos destinos mais desejados pelos brasileiros
O levantamento, que foi dividido entre rotas domésticas, curtas, longas e mais buscadas, levou em consideração a média de preços de bilhetes ao longo de 2018.

ROTAS DOMÉSTICAS
Das 160 rotas analisadas, a mais barata foi entre São Paulo e Belém, que custa R$ 0,28 por quilômetro. Mais longa que qualquer outra viagem entre duas cidades brasileiras, a que liga Porto Alegre à Fortaleza aparece como a quinta opção mais barata do estudo, registrando R$ 0,31 por quilômetro. Já o valor por quilômetro mais caro do País é entre Recife e Fernando Noronha, alcançando $1,91.

ROTAS DE CURTA DISTÂNCIA

Considerando voos de até sete mil quilômetros dentro da América do Sul, o quilômetro mais barato é entre Rio de Janeiro e Santiago, no Chile, com um valor médio de R$ 0,43. Na comparação, a viagem é 53% mais cara que a rota brasileira mais barata. Já a rota de curta distância mais cara é a de Curitiba para Buenos Aires, custando R$ 1,08 por quilômetro voado.

ROTAS DE LONGA DISTÂNCIA
Com mais de 120 voos computados, a rota mais barata (e a mais longa também) é entre São Paulo e Tóquio, no Japão. Cada um dos seus mais de 18,5 mil quilômetros custa R$0,25. Já a segunda rota mais longa, entre a capital paulista e Seul, na Coreia do Sul, não aparece com a segunda melhor proporção financeira, mas apenas na sétima colocação, registrando R$ 0,30 por quilômetro.

Pixabay
Tóquio, capital do Japão, será sede das Olimpíadas de 2020
Tóquio, capital do Japão, será sede das Olimpíadas de 2020
A segunda rota longa mais em conta tem quase 10 mil quilômetros e liga o Rio de Janeiro à Berlim, na Alemanha. O passageiro desse voo paga R$ 0,26, em média, por cada quilômetro percorrido. Já a mais cara é entre Brasília e Lisboa, em Portugal, que custa R$ 0,67 por quilômetro.

ROTAS MAIS BUSCADAS
Entre as principais pesquisas feitas pelos usuários do Skyscanner, o preço por quilômetro de São Paulo para Nova York é 23% menor que o preço encontrado da capital paulista com destino à Miami, o voo internacional mais buscado do sistema. No que diz respeito às rotas domésticas com maiores buscas, a mais barata é entre São Paulo e Recife, que custa R$ 0,37 por quilômetro, e a mais cara é entre São Paulo e Rio de Janeiro, registrando taxa de R$ 1,21.

Tópicos relacionados

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

Mais notícias