Tráfego aéreo na Europa deve se recuperar apenas em 2024

|


Divulgação
Em 2020, os aeroportos europeus devem perder mais de 32 bilhões de euros em receita
Em 2020, os aeroportos europeus devem perder mais de 32 bilhões de euros em receita
De acordo com o Airports Council International Europe (ACI Europe), o tráfego aéreo de passageiros está bem abaixo do que estava previsto. Em junho, os aeroportos europeus receberam 16,8 milhões de passageiros, o que representa uma queda de 93% em comparação a 2019 - um aumento de apenas cinco pontos percentuais em relação ao mês de maio.

"A recuperação do tráfego de passageiros está ocorrendo em um ritmo mais lento do que esperávamos. Os dados inciais de julho indicam que provavelmente recuperaremos apenas 19% do tráfego do ano passado, em vez dos 30% previstos. Isso se deve ao levantamento incompleto das restrições de viagens na Europa e à permanência das proibições de viagens para muitos países", afirmou o diretor geral da ACI Europa, Olivier Jankovec.

A lenta recuperação levou a ACI Europe a rever sua previsão de recuperação das viagens aéreas. Neste ano, os aeroportos devem registrar 1,6 bilhão de passageiros a menos do que em 2019, resultando em uma perda de mais de 32 bilhões de euros em receita. Segundo a entidade, o tráfego aéreo de passageiros deve retornar aos níveis de 2019 apenas em 2024. Anteriormente, a expectativa era de que a demanda retornaria aos níveis pré-pandemia em 2023.


*Fonte: Travel Weekly

conteúdo original: https://bit.ly/2CI9Y6b
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA