Azul, Gol e Latam têm participação equilibrada em novembro

|

Divulgação
A Gol liderou a participação com 35,8% dos passageiros
A Gol liderou a participação com 35,8% dos passageiros
Conforme dados divulgados nesta sexta-feira (18) pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o mercado doméstico continua apresentando sinais de retomada neste ano. O mês de novembro apresentou o maior fluxo de passageiros transportados desde o início da pandemia provocada pelo novo coronavírus. Ao todo, os aeroportos do País movimentaram aproximadamente 4,8 milhões de pessoas no último mês. No entanto, na comparação com o mesmo período do ano passado, houve redução de 40,7% no indicador.

A queda é alimentada pela diminuição de demanda por voos (-85,3%) e oferta de assentos (-70%) em operações internacionais, que registraram números muito inferiores em relação a novembro de 2019. Já no mercado doméstico, os números são um pouco melhores, com queda de 34,5% na demanda por voos e queda de 35,7% na oferta de assentos.

Fator importante a se destacar nos números de novembro é a participação praticamente equalitária das companhias aéreas brasileiras no número de passageiros transportados, já que a Gol liderou com 35,8%, a Latam seguiu de perto com 33,3%, e a Azul não esteve muito atrás com 30,4% dos passageiros.

Divulgação
Confira o Relatório de Demanda e Oferta do Transporte Aéreo de novembro completo.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA