American Airlines é a aérea mais comentada nas redes sociais

|

Divulgação/AA
A American Airlines manteve seu lugar como a companhia aérea mais comentada nas mídias sociais
A American Airlines manteve seu lugar como a companhia aérea mais comentada nas mídias sociais
A American Airlines é a companhia aérea mais mencionada entre as 10 principais companhias aéreas com base nas discussões de mídia social de influenciadores do Twitter e Redditors no primeiro semestre de 2022, de acordo com a Social Media Analytics Platform da Global Data.

O último relatório da Global Data, 'Top 10 Most Mentioned Airlines: H1 2022' que analisa as conversas de mídia social em torno das principais companhias aéreas, revela que as nove principais posições restantes são ocupadas pela Delta, JetBlue, British Airways, Lufthansa, Air France-KLM, Qantas Airways, United Airlines, Qatar Airways e Air India.

Smitarani Tripathy, analista de mídia social da Global Data, comenta: “As discussões de mídia social em torno das companhias aéreas globais aumentaram 20% no primeiro semestre de 2022, nos seis meses anteriores. A crescente taxa de cancelamentos de voos devido à falta de pessoal foi uma das principais razões que prejudicou a opinião dos influenciadores. Enquanto isso, os temores de recessão, juntamente com o aumento das passagens aéreas devido a distúrbios na cadeia de suprimentos, devem pesar ainda mais na demanda de viagens aéreas”.

Divulgação
A American Airlines manteve seu lugar como a companhia aérea mais comentada nas mídias sociais do último relatório da Global Data. No entanto, a participação de voz da companhia aérea caiu para 15% no primeiro semestre de 2022, de 20% nos seis meses anteriores. O maior aumento nas conversas nas redes sociais na companhia aérea foi observado em meados de janeiro, liderado por uma disputa sobre o uso de máscara a bordo dos aviões.

A JetBlue registrou um crescimento de 48% no volume de discussões de mídia social no primeiro semestre de 2022, a maior taxa de crescimento entre as principais companhias aéreas mencionadas. O crescimento levou a companhia aérea a ocupar a terceira posição com 14% de participação de voz, substituindo a Southwest Airlines, que estava na terceira posição. Um pico notado foi quando a empresa fez uma oferta de US$ 3,6 bilhões para adquirir a Spirit Airlines em abril.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA