Aeronaves de pequeno porte lideram retomada da aviação

|


Emerson Souza
Os jatos de 70 a 150 assentos representam 45% das operações retomadas
Os jatos de 70 a 150 assentos representam 45% das operações retomadas
Devido à redução no número de novos casos de covid-19 em muitos países, a demanda por voos tem crescido e as companhias aéreas estão retomando suas operações gradualmente. De acordo dados da Cirium, as aeronaves de até 150 assentos possuem o tamanho ideal para esse período, pois a demanda por voos domésticos e de curta distância é maior do que para viagens internacionais de longo curso.

Segundo o levantamento, 35% da frota comercial global estava operando durante as piores semanas da pandemia. Globalmente, os jatos de 70 a 150 assentos representam 45% das operações retomadas, contra 38% das aeronaves de maior porte, como o 737 ou A320. Por região, esses jatos representam 57% na América do Norte, contra 39% dos grandes jatos; 49% na Ásia-Pacífico, contra 33% dos aviões com mais de 150 assentos; e 23% na Europa, contra 15% das aeronaves de grande porte.


*Fonte: Embraer

conteúdo original: https://www.embraercommercialaviation.com/small-aircraft-lead-airline-recovery/
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA