Como a hotelaria da China se adaptou e combateu a pandemia?

|



Encerrando nossa série de três entrevistas com brasileiros que vivem na China, chegamos a Hong Kong, onde vive o brasileiro Augusto Grau, de 25 anos. Ele trabalha em um dos restaurantes do Grand Hyatt Hong Kong, seguindo os passados do pai na hotelaria (ele é filho de Alberto Grau, ex-Caesar Park, Blue Tree e GJP, entre outras redes no Brasil). Assista ao vídeo acima.

Augusto Grau conta como o destino, separado da China continental mas cada vez mais comandado pelo governo chinês (basta ver os protestos diários que ocorrem por lá), lidou com o início e o auge da crise e a retomada pós-pandemia.

Novos protocolos, criatividade no atendimento ao público, a força do segmento doméstico, os pacotes com desconto para hospedagem e alimentação e a segurança de hóspedes e colaboradores são alguns dos assuntos do bate papo de Grau com José Guilherme Alcorta e Artur Luiz Andrade, da PANROTAS.

Confira na entrevista como está a situação geral e da hotelaria em Hong Kong. E também veja os programas com o economista Rodrigo Zeidan e a blogueira e guia de Turismo Dani Tassy para sabermos o que podemos aprender com a China.
Augusto Grau conversa com Artur Luiz Andrade e José Guilherme Alcorta
Augusto Grau conversa com Artur Luiz Andrade e José Guilherme Alcorta
Confira mais fotos enviadas por Augusto Grau abaixo.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA