Rio e Brasil se promovem no Festival Caliente, na Suíça | Entretenimento | PANROTAS
ENTRETENIMENTO

Rio e Brasil se promovem no Festival Caliente, na Suíça


Alexandre Campbell
André Knecht e Roger Furrer, organizadores do Caliente Festival, com Margareth Menezes, a grande atração brasileira do evento
André Knecht e Roger Furrer, organizadores do Caliente Festival, com Margareth Menezes, a grande atração brasileira do evento
ZURIQUE - A reportagem do Portal PANROTAS participou, neste final de semana, em Zurique, na Suíça, do maior festival de música latino-americana da Europa, o Caliente, que há 22 anos mobiliza a cidade e a faz dançar como se fosse um carnaval brasileiro. Cerca de 300 mil pessoas passaram pelo bairro onde aconteceu o festival nesses três dias e dançaram samba, música sertaneja, salsa, funk, ritmos caribenhos, terminando com um show de Margareth Menezes.

Caracterizado por também percorrer outros lugares do mundo em versões menores como Cuba, República Dominicana, Estados Unidos, Espanha, Tailândia e Brasil, o Caliente chegará ao Rio de Janeiro pela segunda vez no dia 8 dezembro deste ano, sendo que esta será a primeira versão a céu aberto do festival no Brasil. O evento acontecerá nos Arcos da Lapa, e a Turisrio apoiará o evento em parceria com a companhia aérea Edelweiss e a agência de viagens suíça Brasa Reisen.

O Rio terá muito a ganhar, pois o fato de o festival ser consolidado na Suíça atrairá visitantes à cidade. A Turisrio já pensa em entrar também como apoiadora do evento no próximo ano e fazer o turista conhecer outros destinos fluminenses. Segundo André Knecht, um dos organizadores do Caliente, “a ideia é fazer com que o festival entre para o calendário do Rio e que fique permanentemente”.

Veja mais fotos abaixo

Por Alexandre Campbell
O Portal PANROTAS viajou a convite do Festival Caliente e da Edelweiss, com proteção GTA
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA