EVENTOS

Visit Iguassu lançará plataforma de capacitação on-line

Com o objetivo de capacitar agentes e operadores de Turismo de todo o mundo, o Visit Iguassu lançará a primeira plataforma de Ensino à Distância (EAD) de um destino brasileiro. O conteúdo, que será divulgado nesta terça-feira (26), em Belo Horizonte, estará disponível em português, inglês e espanhol.

De acordo com o órgão de promoção da região de Foz do Iguaçu (PR), a ferramenta, chamada Iguassu Academy, busca preparar profissionais do setor em relação a o que fazer, onde ir, onde ficar e como explorar, por exemplo, além de detalhar documentações necessárias para determinados tipos de atividades.

Divulgação/Turismo do Paraná
Cataratas do Iguaçu receberam quase 2 milhões de turistas em 2018
Cataratas do Iguaçu receberam quase 2 milhões de turistas em 2018
“Nosso objetivo é que estes profissionais recebam informação de qualidade sobre o destino Iguaçu e consigam ampliar os produtos ofertados nos pacotes turísticos que estão em suas prateleiras”, comentou a gerente de Visitors do Visit Iguassu, Elaine Tenerello.

Segundo ela, o curso garantirá um certificado aos participantes e será distribuído em diversos formatos, incluindo textos, vídeos, imagens, mapas e até sugestões de roteiros, desde os mais tradicionais até os mais autênticos, explorando experiências que envolvem ecoturismo e Turismo de aventura, por exemplo.

“Vamos oferecer este conteúdo para agentes de Turismo do Brasil inteiro, a começar pelo mercado mineiro, mas também queremos conquistar outros mercados internacionais. A expectativa é de capacitarmos mais de 10 mil agentes no mundo em um período de um ano”, completou o diretor executivo da entidade, Basileu Tavares.

Reconhecido como o terceiro destino do Brasil que mais recebe estrangeiros, Foz do Iguaçu tem nas cataratas seu principal atrativo. Em 2018, a maravilha da natureza bateu seu recorde de visitantes, fechando o ano com 1,895 milhão de turistas, sendo 46% internacionais e 54% nacionais. Tal valor foi 9,3% superior ao registrado em 2017.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA