EVENTOS

Eventos elevam em 5,3% a taxa de ocupação em Salvador


Divulgação
A capital baiana recebeu diversos eventos durante o mês de outubro
A capital baiana recebeu diversos eventos durante o mês de outubro
A taxa de ocupação em Salvador cresceu 5,3% em outubro, se comparado com o mesmo mês do ano passado, atingindo o resultado de 66,89%. Segundo a ABIH-BA, os números são frutos de uma agenda intensa de eventos, que encheu boa parte dos meios de hospedagem.

Além do aumento da taxa de ocupação, a diária média também registrou alta - 31,8% superior a outubro de 2018. O resultado foi um Revpar (indicador ponderado de taxa de ocupação e diária média) superior ao encontrado no mesmo período do ano passado. Um ponto a ser considerado é a entrada de hotéis de luxo no mercado, que tiveram impacto direto na diária média.

“Apresentamos resultados positivos em outubro devido aos grandes eventos que ocorreram na cidade como a canonização de Irmã Dulce e os Jogos Universitários Brasileiros (Jubs). A iminente inauguração da primeira etapa do aeroporto, o anúncio da programação do Festival da Virada e o andamento das obras do Centro de Convenções são notícias que trazem perspectivas positivas para 2020”, afirma o presidente da ABIH-BA, Glicério Lemos. No acumulado do ano, a ocupação média está em 62,1%.

Os números têm como base a Pesquisa Conjuntural de Desempenho (Taxinfo), realizada em parceria entre a ABIH-BA e a nacional.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA