Parques de Minas Gerais terão investimento de R$ 150 milhões

|

Sete parques nacionais de Minas Gerais vão receber um investimento de R$ 150 milhões. O anúncio foi feito pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. A ação faz parte de um acordo entre o Governo Federal e a Vale, por conta de uma multa aplicada em função da tragédia de Brumadinho.

A verba será utilizada na reforma de Serra do Cipó, Caparaó, Grande Sertão Veredas, Canastra, Cavernas do Peruaçu, Sempre-Vivas e Gandarela. Segundo o MTur, estão previstas obras de infraestrutura, sinalização, incentivo ao ecoturismo, plano de manejo e combate a incêndios, etc.

Emerson Souza
Marcelo Álvaro Antônio
Marcelo Álvaro Antônio
As obras deverão ser projetadas e executadas pela Vale. O Ministério do Turismo, por sua vez, ficará responsável pela promoção dos espaços. Além disso, o Ministério do Meio Ambiente anunciou o repasse de R$ 250 milhões, fruto de acordo entre a Pasta e a Vale, para a realização de ações ambientais.

“Já existem estudos que o ecoturismo será um dos segmentos mais procurados pós-pandemia. É importante que tenhamos não apenas trilhas e espaços estruturados, mas também um amplo trabalho de promoção. Isto resultará em mais turistas e maior movimento para a economia, gerando empregos e renda para as populações locais”, disse Antônio.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA