PANROTAS representa mídia do Turismo em prêmio do MTur; VOTE

|


Emerson Souza
Guillermo Alcorta, presidente da PANROTAS
Guillermo Alcorta, presidente da PANROTAS
A primeira edição do Prêmio Nacional do Turismo, criado pelo Ministério do Turismo, será entregue dia 5 de dezembro, no Rio de Janeiro. O MTur divulgou os cinco finalistas em cada uma das cinco categorias (Academia, Governo, Iniciativa Privada, Organizações Não Governamentais e Imprensa/Mídias Sociais). Os ganhadores sairão de uma votação popular.

O presidente e fundador da PANROTAS, José Guillermo Condomí Alcorta, foi indicado na categoria Imprensa/Mídias Sociais e a PANROTAS é a única representante da imprensa especializada da indústria de Viagens e Turismo. Alcorta tem como colegas indicados Alessandra Lontra, da revista e site O Concierge, Daniel Rittner, repórter do jornal Valor Econômico, Flávia Oliveira, colunista de O Globo, e a youtuber Danielle Noce.

Vote aqui na categoria IMPRENSA E MÍDIAS SOCIAIS

Guillermo Alcorta fundou a PANROTAS em 1974, com o Guia PANROTAS, ferramenta que por décadas ficou na mesa do agente de viagens para auxiliá-lo e informá-lo com informações técnicas da indústria de Viagens e Turismo. Depois vieram o Brazilian Overview, publicação para divulgar o Brasil no Exterior (criado na década de 1980 e publicado até hoje), o Jornal PANROTAS (em 1992, que este ano se transformou na Revista PANROTAS, semanal, e com distribuição impressa e por whatsapp para todo o Brasil, além da versão digital), o Portal PANROTAS (no ano 2000, com nova versão no ar desde abril deste ano), o Fórum PANROTAS (desde 2003, reunindo lideranças do Brasil e do mundo para debater as tendências do Turismo), além de publicações especiais, como a dos Poderosos do Turismo ou o Anuário de Viagens Corporativas, eventos customizados (como os Next, que percorrem o País), participação âncora em feiras como Abav Braztoa e WTM Latin America, entre outras ações.

O Portal PANROTAS tem mais de 14 mil usuários únicos por dia, todos profissionais da indústria, e tem diversos canais, como o PANROTAS Corporativo e o canal de vídeos exclusivos.

“Fico muito honrado pelo reconhecimento do Ministério do Turismo e do Conselho Nacional. Parabenizo os demais indicados não apenas nesta categoria mas nas demais. São pessoas que valorizam o Turismo brasileiro e que lutam para colocá-lo no patamar que merece, como um dos principais motores da economia do Brasil”, disse Guillermo Alcorta, que este ano ainda lançou, em uma nova empresa, a plataforma Matcher, que visa promover o Brasil no Exterior e promover encontros presenciais e virtuais entre compradores internacionais do mundo inteiro e fornecedores brasileiros.

O primeiro encontro do Matcher será dias 19 e 20 de fevereiro em Fortaleza, com cerca de 150 compradores convidados, e com agenda one-to-one com os fornecedores que mais combinarem com seus perfis e expectativa. “Foi a forma que encontrei, depois de 45 anos de PANROTAS e às vésperas de completar 80 anos, de contribuir de uma outra forma com o Turismo brasileiro, facilitando os negócios entre os compradores estrangeiros e os fornecedores daqui. Com a PANROTAS consolidada, fico feliz de ter achado um outro jeito de fazer a minha parte pelo Turismo brasileiro, que me deu tudo o que tenho, principalmente os amigos dessas mais de quatro décadas”.

“A premiação não tem valor financeiro, porém grande valor simbólico como incentivo e reconhecimento a pessoas e iniciativas que fazem a diferença no desenvolvimento do turismo no país”, afirmou o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

OUTRAS CATEGORIAS

Na categoria Academia concorrem Alexandre Panosso Netto, professor da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP; Bayard Boiteux, criador de projetos como a Associação dos Embaixadores de Turismo do Rio de Janeiro; Eduardo Mielke, especialista em Política e Gestão de Turismo para Municípios e Destinos; José Manoel Gândara, que coordenou a implantação da Rede Brasileira de Observatórios de Turismo; e Selma Batista, professora no Curso de Turismo da Universidade do Estado do Amazonas.

Vote aqui na categoria ACADEMIA

Na categoria Iniciativa Privada concorrem Cícero e Ricardo Fiedler, idealizadores do Balneário Camboriú Big Wheel S/A; Max Oliveira, engenheiro de produção e fundador da Max Milhas; Patrick Mendes, CEO da Accor Hotels na América do Sul; Rogério Siqueira, diretor-presidente do maior parque temático da América Latina, o Beto Carrero World e presidente do Conselho Estadual de Turismo de Santa Catarina; e Bruno Marques, CEO do Grupo Cataratas desde 2014.

Vote aqui na categoria INICIATIVA PRIVADA

Na categoria ONGs, com apenas quatro concorrentes, foram indicadas Jussara Rocha, sócia e consultora da Raízes Desenvolvimento Sustentável; Maria América Ungaretti, coordenadora da ECPAT Brasil; Mônica Barroso, diretora da Associação Garupa; e Thaise Guzzati, assessora técnica da Associação de Agroturismo Acolhida na Colônia.

Vote aqui na categoria ONG

Saiba mais sobre o Prêmio Nacional do Turismo





 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA