Movida

Victor Fernandes   |   07/12/2023 18:12   |   Atualizada em 08/12/2023 13:17

Abav MeetingSP discute distribuição hoteleira e paridade tarifária

Painel com empresas distribuidoras de conteúdo hoteleiro marcou primeiro dia do evento da Abav-SP / Aviesp


PANROTAS / Emerson Souza
Isabelle Grechi (B2B Reservas), Juliana Luengo (Bedsonline), Noah Britto (Trend) e Artur Andrade (PANROTAS) durante painel do Abav MeetingSP
Isabelle Grechi (B2B Reservas), Juliana Luengo (Bedsonline), Noah Britto (Trend) e Artur Andrade (PANROTAS) durante painel do Abav MeetingSP

Dentro de sua programação recheada de conteúdo, o AbavMeetingSP promoveu painel sobre desafios e estratégias na hospitalidade com Isabelle Grechi (B2B Reservas), Juliana Luengo (Bedsonline), Noah Britto (Trend) e Artur Andrade (CCO e editor-chefe da PANROTAS) como moderador. Na apresentação, os participantes discutiram paridade tarifária e os desafios da cadeia de distribuição hoteleira.

"Em um mundo ideal, os agentes de viagens conseguiriam se diferenciar com serviço, olho no olho e expertise. No entanto, a venda direta é alvo das redes hoteleiras e deve ser o segmento que mais crescerá, mesmo que não alcance as vendas indiretas e OTAs. Os canais precisam se fortalecer e se diferenciar devido à multicanalidade".

Artur Andrande, editor-chefe da PANROTAS

Na sequência, o mediador do painel convidou as distribuidoras de conteúdo hoteleiro para comentar sobre paridade tarifária e diferenciação de conteúdo.

Paridade tarifária: é um sonho?

Juliana Luengo, Bedsonline: "Hoje, existem vários fatores que chegam até a paridade tarifária. Lutamos muito por isso porque existe uma rede de distribuição. A ponta desta rede também depende muito do hotel investir na distribuição para ter a capacidade de administrar diferentes tarifas para diferentes canais de vendas. Se isso não acontecer, vamos sofrer disparidade na ponta."

Isabelle Grechi, B2B Reservas: "Antes de mais nada, precisamos separar redes hoteleiras e hotéis independentes. Quando fazemos isso, o hoteleiro independente, na questão da tarifa, não pretende criar muitas varáveis para controlar mais facilmente. Nas redes hoteleiras é diferente, que, pela regra, estão seguindo a cadeia de distribuição hoteleira."

Noah Britto, Trend: "Uma das ações que fazemos como grupo (CVC Corp) é uma área de concorrência, e a ajuda dos agentes é muito importante. Todas vezes que conhecemos uma tarifa diferente em OTA, consultamos os hotéis, buscamos a mesma tarifa, e se não conseguimos chegar em algo, revemos a posição dessa rede hoteleira na nossa prateleira. Somando o volume de todos nessa sala, é muito relevante para os hotéis. Esta é uma via de mão dupla e precisamos mostrar para os hoteleiros a importância da cadeia de distribuição."

Como conseguir melhor tarifa e conteúdo?

Noah Britto, Trend: "Claramente, ninguém é bom em tudo. Cada operadora tem suas especialidades, pontos fortes e fracos. Mas precisamos entender a importância da especialização e das parcerias. Precisamos entender também o ponto de equilíbrio daquilo que estamos buscando, o que é mandatório para cada empresa. Precisamos mostrar o quanto custa o nosso serviço e a nossa expertise para o passageiro."

Isabelle Grechi, B2B.Reservas: "Para o hoteleiro, distribuir passa pelo custo de distribuição. Quanto custa para receber uma reserva de uma OTA, de uma TMC, de uma agência? Eles apostam na reserva direta para poder rentabilizar um pouco mais. Os custos do hoteleiro estão pesados."

Juliana Luengo, Bedsonline: "Você não tem, e nem pode ter, um único canal para reservar um hotel. Então, as tarifas entre operadores não pode ser muito diferente, e você escolhe de acordo com a sua comissão, com o suporte, com o serviço. Mas nem por isso, precisamos cobrar muito mais caro, porque o preço é muito sensível para o viajante."

PANROTAS / Emerson Souza
Isabelle Grechi (B2B.Reservas), Juliana Luengo (Bedsonline), Noah Britto (Trend) e Artur Andrade (PANROTAS)
Isabelle Grechi (B2B.Reservas), Juliana Luengo (Bedsonline), Noah Britto (Trend) e Artur Andrade (PANROTAS)

Tópicos relacionados

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

Mais notícias