INVESTIMENTOS

Novo resort e gestão elevam Jurema Águas Quentes como destino

A transformação do tradicional Termas de Jurema, no Paraná, em Jurema Águas Quentes agora é real. Sob nova gestão e com a inauguração do Jardins de Jurema Convention & Termas Resort em agosto, o empreendimento dobrou sua operação e elevou seu produto para ser reconhecido como um dos principais destinos não apenas da região de Maringá, mas do Brasil e da América Latina, atraindo viagens a lazer, seu forte, e corporativas, sua grande aposta.

Há um ano e meio no comando do Jurema Águas Quentes, Nilson Bernal conversou com a PANROTAS sobre os primeiros 30 dias de operação do novo resort orçado em R$ 120 milhões, assim como as expectativas, metas e resultados da empresa, que foi transformada em sociedade anônima e reformulou sua equipe em busca de atingir objetivos mais ambiciosos.

Marcel Buono
Nilson Bernal, diretor presidente do Jurema Águas Quentes
Nilson Bernal, diretor presidente do Jurema Águas Quentes
“Cheguei com o desafio de reestruturar a empresa, fazendo a transição da marca de Termas de Jurema para Lagos e Jardins de Jurema, que agora se torna um grande destino chamado Jurema Águas Quentes. Estabelecemos padrões, processos, políticas, sempre respeitando a cultura da companhia, e implementamos uma gestão profissional, com cada vez mais indicadores de mercado e estratégias que envolvem a busca por novos mercados e receitas, aliada à redução de despesas, para amplificar a nossa prestação de serviço em hotelaria”, disse o diretor presidente do Jurema Águas Quentes, Nilson Bernal.

“Nesse período de profissionalização, trouxemos parceiros importantes em questões estratégicas como Vendas e Marketing para sair apenas do mercado regional, onde somos muito fortes, principalmente em cidades como Curitiba, Londrina e Maringá, para atrair o Brasil como um todo e outros países, melhorando a rentabilidade e eficiência do negócio. Estamos tendo sucesso e hoje nosso complexo já tem uma visibilidade nacional”, acrescentou.

ABERTURA DO JARDINS DE JUREMA
Uma prova das ambições do Jurema Águas Quentes é o seu novíssimo Jardins de Jurema Convention & Termas Resort, projetado para ampliar a oferta do empreendimento e atender a novas demandas do mercado. Erguido à beira do Rio Formoso e dono de uma arquitetura imponente, repleta de pilastras, sua infraestrutura foi desenvolvida para oferecer mais conforto e novas experiências aos hóspedes, comportando também eventos de grande porte.

Marcel Buono
Complexo Jurema Águas Quentes disponibiliza dez piscinas
Complexo Jurema Águas Quentes disponibiliza dez piscinas
“A empresa precisava se diferenciar. Nesses primeiros 30 dias, tivemos uma taxa de ocupação de 42% a 45% no acumulado, com todos os finais de semana 100% ocupados. Considerando o complexo, a demanda acumulada foi de 62% a 65%, também com todos os finais de semanas lotados. Vejo que tem demanda e o público tem achado maravilhoso. Em média, aos sábados e domingos passam 900 pessoas por aqui. É um tráfego excelente e o trânsito livre entre o Jardins e o Lagos de Jurema é muito bacana para o hóspede, que pode aproveitar todos os atrativos. Nosso público frequenta nossa casa há muitos anos e quer conhecer as novidades”, contou o diretor presidente do Jurema Águas Quentes.

“Em média, a taxa de ocupação anual dificilmente passa dos 50% em outros resorts do Brasil, mas aqui chega a 55%/60% anualmente. Por mais que o primeiro semestre tenha uma demanda menor, a nossa ainda é superior, enquanto o segundo semestre nos deixa realmente felizes com os resultados, superando os 70% de ocupação em meses de alta temporada. O público da terceira idade é forte no meio de semana, principalmente no Lagos, mas as famílias com crianças prevalecem durante os finais de semana”, comentou Bernal.

APOSTA EM MICE
Antes muito limitado em termos de viagens corporativas, o Jurema Águas Quentes agora aposta no segmento para preencher as lacunas deixadas pelos turistas a lazer, principalmente nos meios de semana. Um centro de convenções, formado por dez salas que podem ser integradas, com capacidade para abrigar até mil pessoas, está em fase final de construção e deve ser inaugurado nos próximos meses.

“Culturalmente, nossa empresa tem como maior força suas águas termais, o lazer, o entretenimento e a gastronomia. Com o Jardins, já estamos atacando a parte de eventos corporativos, incluindo formaturas, casamentos e shows, pois a região é carente de uma estrutura que atenda a essa demanda de grandes eventos. Com a reestruturação da nossa área comercial, estamos investindo muito nesse mercado e temos como objetivo ter uma fatia de 60% de demanda em eventos de 50 até mil pessoas para preencher as lacunas dos meios de semana. Porque nossos finais de semana já estão lotados”, reforçou Bernal.

Marcel Buono
Jardins de Jurema oferece espaços para eventos de mil pessoas
Jardins de Jurema oferece espaços para eventos de mil pessoas
“Temos quatro profissionais focados nessa expansão de mercados: um no interior de São Paulo, outro na capital paulista, um em Maringá e outro em Curitiba, além de toda nossa equipe local, em Campo Mourão, para viabilizar esse trabalho. Atualmente, 70% dos nossos hóspedes ainda vem diretamente da nossa central de reservas”, compartilhou o presidente do Juremas Águas Quentes.

Atualmente, o Jardins de Jurema conta com 114 apartamentos divididos em três categorias: superior, superior plus e premium. Já o Lagos de Jurema dispõe de 184 habitações que, segundo Nilson Bernal, já possuem planos e verbas para serem progressivamente renovadas. Dentro de seis a oito meses, mais cem apartamentos serão concluídos no novo resort paranaense. Ao todo, cerca de 500 funcionários trabalham no empreendimento.

A PANROTAS viajou a convite do Jurema Águas Quentes.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA