MERCADO

BHG vende operadora hoteleira para Golden Tulip


Marluce Balbino
Alexandre Solleiro, CEO da BHG
Alexandre Solleiro, CEO da BHG
A Brazil Hospitality Group (BHG) anunciou a venda de 100% das ações de sua operadora hoteleira, a LA Hotels Empreendimentos 1 Ltda (LA HOTELS), para a empresa Golden Tulip Brasil Hotelaria Ltda, empresa da Louvre Hotels Group (LOUVRE), que opera mais de 2,6 mil hotéis em 54 países, sendo detentora das marcas Royal Tulip, Golden Tulip e Tulip Inn, entre outras.

Ou seja, a BHG passa a ser uma empresa com foco em propriedades (ativos imobiliários), sendo a maioria hotéis administrados por terceiros. É a maior empresa com prédios hoteleiros próprios do Brasil em valor segundo apurou o Portal PANROTAS. Ela tem os prédios onde a Accor Hotels administra algumas marcas (em acordo firmado recentemente) e também outros onde ainda não há projetos oficiais, como o antigo Marina, no Leblon, que pode se transformar no Four Seasons Rio de Janeiro.

“Com a conclusão deste negócio, a BHG deixa a atividade de operadora de hotéis, concentrando-se na valorização do seu portfólio de ativos imobiliários hoteleiros. A BHG é atualmente a maior proprietária de ativos imobiliários hoteleiros do Brasil, com participações majoritárias e minoritárias em 27 hotéis – dez no Rio de Janeiro, três em São Paulo, quatro em Curitiba e Porto Alegre e dez nas regiões Norte/Nordeste e Centro Oeste, agora todos operados pelas maiores empresas hoteleiras mundiais”, diz comunicado da rede.

PORTFÓLIO BHG

“Com este negócio completamos uma etapa importante no reposicionamento estratégico da BHG, focando agora os recursos e equipes para a valorização dos nossos ativos, buscando novas oportunidades que nos permitam consolidar a nossa posição de maior proprietária de ativos hoteleiros do Brasil”, avalia o CEO da BHG, Alexandre Solleiro.

O seu portfólio, que contempla hotéis de categorias econômica, médio e alto padrão, e luxo, já vem sendo progressivamente renovado e reposicionado até final de 2020, operando com as marcas Ibis, Ibis Styles, Ibis Budget, Mercure, Novotel, Mama Shelter, MGallery, Pullman, Tulip Inn e Golden Tulip.
Josh Pristaw, senior managing director, co-head para o Brasil e head para o mercado de capitais da GTIS Partners, acionista da BHG, reitera que “esta transação representa um marco importante no plano estratégico para a criação de valor na BHG, que possui um portfólio brasileiro no setor imobiliário hoteleiro incomparável e de elevada qualidade, a partir de investimentos em capital e reposicionamento”.

O diretor de Vendas da BHG, Tomás Ramos, continua na BHG, cuidando do gerenciamento desses ativos imobiliários da empresa.


GOLDEN TULIP BRASIL

A Golden Tulip Brasil, também de acordo com apuração do Portal PANROTAS, passa a ser administrada pelo ex-CEO da BHG, Peter van Voorst, e pelo ex-diretor geral da rede Othon, Paulo Michel.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA