MERCADO

Fohb publica carta de repúdio ao PDL 68/2019

Emerson Souza
Orlando de Souza, presidente executivo do Fohb
Orlando de Souza, presidente executivo do Fohb
Atento aos mais recentes acontecimentos envolvendo o Turismo em Brasília, o Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (Fohb) publicou uma carta de posicionamento a respeito do PDL 68/2019. O texto, que tem o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) como autor, tenta sustar o decreto nº 9.731, de 16 de Março de 2019, que dispensa visto de visita para turistas vindos de Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão, além de alterar o decreto nº 9.199, que regulamenta a Lei nº 13.445, responsável por instituir a Lei de Migração.

Confira abaixo, a íntegra da carta do Fohb:

"Excelentíssimos Parlamentares,

Cumprimentando-os cordialmente, vimos por meio deste manifestar nosso veemente repúdio ao Projeto de Decreto Legislativo nº 68/2019, de autoria do Senador Randolfe Rodrigues, cujo intuito é sustar o Decreto nº 9.731, de 16 de março de 2019, que dispensa visto de visita para os nacionais da Comunidade da Austrália, do Canadá, dos Estados Unidos da América e do Japão, e alterar o Decreto nº 9.199, de 20 de novembro de 2017, que regulamenta a Lei nº 13.445, de 24 de maio de 2017, que institui a Lei de Migração.

Dizemos isso porque estamos convictos de que a isenção de vistos para estrangeiros trará ótimos resultados para a economia brasileira, uma vez que, por meio do incentivo ao setor turístico e hoteleiro, alavancará o número de turistas em nosso território, gerando mais divisas para o País.

Conforme aponta estudo da FGV-Celog encomendado pelo Fohb, a cada R$1 milhão de demanda por serviços de alojamento no Brasil, são gerados: 24,6 empregos diretos+indiretos+induzidos; R$1,3 milhão de incremento ao PIB; e R$3,3 milhões de injeção nas diversas atividades econômicas.

Diante do exposto, solicitamos respeitosamente vosso empenho pela NÃO aprovação do PDL 68/2019".
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA