MERCADO

Metade da receita Best Western nos EUA vem de fidelidade


Marcelo Fonseca
Matt Teixeira, diretor de vendas Globais da Best Western
Matt Teixeira, diretor de vendas Globais da Best Western
Metade da receita da Best Western nos Estados Unidos é proveniente dos programas de fidelidade, e a meta da rede é chegar a 60%. Esse é um trabalho muito apurado, segundo seu diretor de Vendas Globais, Matt Teixeira, pois não depende apenas de comercialização, marketing e distribuição, e sim de cada unidade Best Western saber entregar a melhor experiência possível ao hóspede.

"Também temos trabalhado muito com o Tripadvisor. Somos muito rigorosos para nunca baixar o nível de rating nesta plataforma, que é uma referência internacional na escolha de um hotel", aponta o diretor. "Temos uma pluralidade de marcas e temos de saber como segmentá-las em corporativo, lazer, midscale e upscale, saber como tratar cada público, entender o que cada hóspede quer. É um desafio que estamos encarando com cada vez mais sabedoria."

Matt participou do 17º Fórum PANROTAS em painel a respeito dos desafios que as redes globais têm em atuar no Brasil ao lado de Alejandro Moreno, da Wyndham.

Segundo Moreno, sua rede pretende quadruplicar os um milhão de clientes no programa fidelidade existentes hoje.

Acompanhe o Fórum PANROTAS on-line pelo Facebook. Clique aqui e vá direto à transmissão.

O Fórum PANROTAS 2019 conta com aliança institucional da CNC Sesc Senac, patrocínio de Accor Hotels, Aerolíneas Argentinas, Air Europa, Alitalia, Assist Card, AM Resorts, Best Western Hotels & Resorts, Beto Carrero World, Elo, Fecomercio São Paulo, Gol, Delta e Air France-KLM, GTA Assist, Iberia/British, Iberostar, Localiza Hertz, Omnibees, Pegasus, R1 Audiovisual, Reserve, Royal Palm Hotels & Resorts, Sabre, Tes Cenografia, Villa Blue Tree, Visit Orlando, Wex, Wyndham Hotels & Resorts e apoio da Aviva, Cep Transportes, CVC Brasil, Pegasus Transportation, Tour House e Vice Versa.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA