Best Western lança programa de limpeza para volta da hotelaria

|


Renato Machado
O novo programa expande os padrões do I Care Clean e do protocolo de limpeza já em vigor
O novo programa expande os padrões do I Care Clean e do protocolo de limpeza já em vigor
A Best Western Hotels & Resorts foi a primeira marca de hotel a implementar um alto nível de limpeza com o lançamento do "I Care Clean" em 2012, programa desenvolvido por meio de uma parceria com a empresa de inovação e design IDEO. Com a pandemia da covid-19, a companhia lançou rapidamente protocolos de limpeza mais aprimorados. Reconhecendo que os viajantes agora estão mais preocupados com a limpeza, a Best Western está lançando o programa We Care Clean, que garante um nível ainda mais alto de higienização e melhores práticas operacionais em suas propriedades.

Com base nas orientações fornecidas pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), pela Administração de Segurança e Saúde Ocupacional (OSHA), pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA) e pela Health Canada, o novo programa inclui a limpeza total de quartos e áreas comuns para otimizar processos que reduzem o contato entre convidados e associados. O programa será atualizado regularmente de acordo com os mais recentes padrões e recomendações de agências governamentais e grupos do setor.

"O programa We Care Clean é o exemplo mais recente de nosso compromisso com nossos hóspedes, associados e comunidades. Sempre fomos líderes do setor com a reputação de fornecer acomodações limpas para os viajantes e reconhecemos que a higiene e a limpeza nunca foram tão importantes. Com o programa We Care Clean, temos o orgulho de oferecer aos nossos hóspedes uma casa segura e limpa, longe de casa, quando chegar a hora de viajar novamente", disse o presidente e CEO da Best Western, David Kong.

O novo programa expande os padrões do I Care Clean e do protocolo de limpeza já em vigor, e inclui a implementação de novas medidas para melhorar a segurança em cinco áreas principais:

1. Recepção e lobby

Novos protocolos minimizarão o contato do hóspede com a equipe por meio de um processo simplificado de check-in e check-out, como o uso da plataforma Mobile Concierge da Best Western. Serão implementadas ainda medidas de distanciamento social e higienização na recepção, no saguão e nos pontos de contato em todos os hotéis, além de estações para que os hóspedes façam a higienização pessoal.

2. Quarto e serviço de limpeza

Itens desnecessários serão removidos dos quartos, como travesseiros decorativos, lenços de cama, blocos de papel e canetas. Os protocolos de limpeza serão aprimorados em todos os quartos e os hóspedes só poderão entrar de 24 a 72 horas após o check-out.

3. Ofertas temporárias de café da manhã

As ofertas de café da manhã foram adaptadas para priorizar a saúde e a segurança dos hóspedes, que poderão escolher entre café da manhã no quarto, alimentos e bebidas pré-embalados ou o chamado "café da manhã servido", com alimentos pré-preparados para minimizar o risco de contaminação.

4. Áreas comuns

As áreas comuns, como academias, piscinas e salas de reuniões, serão limpas em horários monitorados com desinfetantes químicos. Todas as noites, essas áreas também podem ser higienizadas com o uso de nebulização eletrostática, geradores de ozônio ou dispositivos ultravioletas. Serão fornecidos ainda toalhas e desinfetantes para hóspedes e funcionários em todos os ambientes.

5. Colaboradores

Os colaboradores do hotel seguirão diretrizes rígidas, incluindo a utilização de equipamentos de proteção individual, protocolos frequentes e rigorosos de lavagem das mãos e o uso de luvas e máscaras. As estações de trabalho serão desinfetadas após cada turno e os funcionários poderão ficar em casa se não se sentirem bem.

A Best Western também foi a primeira empresa hoteleira a oferecer auxílio aos seus hoteleiros para aliviar os encargos financeiros durante este período de pandemia. Neste mês, a companhia também lançou um plano de tarifas para ajudar os trabalhadores que estão na linha de frente no combate à covid-19.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA