CRUZEIROS

IPW: Las Vegas trabalha por voo direto com o Brasil

Renato Machado
Steve Hill, presidente e CEO do Las Vegas CVB
Steve Hill, presidente e CEO do Las Vegas CVB
ANAHEIM – O final da edição 2019 do IPW se aproxima e a atenção começa a sair de Anaheim, atual cidade-sede, rumo ao próximo destino da maior feira de promoção dos Estados Unidos: Las Vegas. O presidente e CEO da Las Vegas Convention and Visitors Authority, Steve Hill, falou a jornalistas, exibiu números recentes do Turismo local, apresentou novidades e falou sobre a expectativa de sediar o IPW na próxima temporada. Em conversa com o Portal PANROTAS, Hill tratou do mercado brasileiro e da expectativa de retomada das operações de voos diretos entre Brasil e a capital mundial do entretenimento.

Em 2020, Las Vegas hospedará o evento pela quinta vez em sua história, após as edições de 1982, 1989, 2008 e 2013. Na manhã desta quarta-feira, Steve Hill e o diretor de Vendas Internacionais do bureau, Rafael Villanueva, deram alguns detalhes sobre a organização da próxima edição do IPW.

É esperado por eles a mesma estrutura e programação, que já são tradicionais da feira, além da presença de aproximadamente seis mil pessoas - entre fornecedores e destinos norte-americanos, compradores de todo o mundo e imprensa local e internacional. Caberá a Ceasers Entertainment o trabalho de organizar a festa de abertura da edição – mas detalhes do evento ainda não foram compartilhados.

As delegações do IPW 2020 ficarão hospedadas nos hotéis The Cosmopolitan Las Vegas e Westgate Las Vegas Resorts and Casino, além de propriedades no complexo da MGM (Mirage, Bellagio, Aria e Park MGM) e Ceasers (Paris, Flamingo e The Linq Hotel and Experience).

Renato Machado
Rafael Villanueva, do Las Vegas CVB, entre performers que se apresentaram à imprensa
Rafael Villanueva, do Las Vegas CVB, entre performers que se apresentaram à imprensa
Em números

A autoridade do Turismo de Las Vegas comemora os números da última temporada. Em 2018, 42,1 milhões de viajantes escolheram a cidade de Nevada como destino para suas viagens, sendo 20% deles turistas internacionais. Cerca de 6,5 milhões de pessoas estiveram em Las Vegas para convenções – ao todo, a cidade recebeu 22 mil encontros ao longo do ano.

Os números dão tranquilidade para o bureau trabalhar o futuro. “Nós estamos construindo a nova geração de Las Vegas neste momento”, afirmou Steve Hill, elencando próximas inaugurações, como o Las Vegas Stadium (para 2020), e reformas, como a expansão do Centro de Convenções (2021).

Com 229 voos internacionais toda semana, voando para dez países diferentes, o CEO sabe da importância que ligações diretas possuem no desenvolvimento de um destino. Segundo Hill, foi evidente o sucesso do voo temporário entre São Paulo e Las Vegas, operado pela Latam Brasil entre junho e setembro de 2018 e entre dezembro de 2018 e março de 2019.

Sem precisar números, o executivo calculou que o incremento de visitantes brasileiros de lazer superou a taxa de 50% no comparativo com o ano anterior. “A demanda está lá, precisa ser trabalhada. O Brasil é um mercado importante para nós, é enorme e uma excelente oportunidade de alcançar outros mercados na América do Sul”, afirmou.

“Nós temos um interesse genuíno e seguimos em conversas com a Latam Brasil para retomar a operação nas próximas temporadas, e eu tenho certeza que eles também têm esse interesse”, continuou Hill, deixando aberta a possibilidade de um voo direto durante o ano todo. “Eu não quero me antecipar e confirmar nada”, despistou.

“Ter uma boa experiência de voo, seja em uma rota direta ou com uma rápida parada, é a chave para o aumento de visitas internacionais em Las Vegas. Nós trabalhamos com o marketing em diferentes mercados, mas sem um voo isso realmente não funciona”, completou.

O Portal PANROTAS viaja a convite do IPW 2019 e da United Airlines, com proteção GTA
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA