CRUZEIROS

Não existe cruzeiro ruim, mas sim vendas mal feitas

Diretora geral da Norwegian Cruise Line no Brasil e presidente da Clia Brasil, Estela Farina foi uma das palestrantes do Next da PANROTAS realizado em Fortaleza nesta quarta-feira (7). De acordo com ela, o mercado marítimo tem muito espaço para crescer no País nos próximos anos e, mundo afora, as oportunidades de cruzeiros existem para todos os estilos de viajantes.

Emerson Souza
Estela Farina, diretora da NCL e presidente da Clia Brasil
Estela Farina, diretora da NCL e presidente da Clia Brasil
“É importante quebrar paradigmas em relação aos cruzeiros, pois muitos ainda acham que não há muito o que fazer dentro do navio ou então que o público é majoritariamente mais velho. A verdade é que não existe cruzeiro ruim, mas o que pode acontecer é uma venda mal feita, na qual o tipo de produto não se encaixa ao estilo do cliente, gerando um conflito de expectativas”, disse Estela Farina.

Durante sua apresentação, a diretora da NCL mostrou como é possível encontrar opções de viagens no segmento que são desenvolvidas tanto para casais mais experientes como famílias com crianças pequenas ou jovens viajantes em busca de novas aventuras. O Projeto Leonardo, que acrescentará quatro navios à armadora entre 2022 e 2025, também foi destacado.

De acordo com os dados divulgados, mais de 30 milhões de turistas embarcarão em cruzeiros ao longo de 2019 em todo o planeta, evidenciando uma taxa de crescimento superior a outros segmentos do Turismo. Deste total, o mercado brasileiro deve ser responsável por cerca de 510 mil pessoas.

Emerson Souza
Estela Farina durante apresentação no Next de Fortaleza
Estela Farina durante apresentação no Next de Fortaleza
Ainda segundo a presidente da Clia Brasil, 22 navios de 17 companhias passaram pelo País durante a temporada 2018/2019, oferecendo mais de 28 mil leitos. Os números são mais baixos do que em outros anos, porém, ainda mostram a força do mercado nacional e como há espaço para crescimento.

A conversa com os profissionais de Turismo presentes no Next também reforçou que as oportunidades devem se intensificar durante a próxima década, uma vez que mais de 130 navios serão entregues até 2027, acrescentando mais de 261 mil leitos ao segmento e abrindo caminho para a criação de novos itinerários pela costa brasileira.

O Next Fortaleza é patrocinado por CEP Transportes, DCS Plus, Foz do Iguaçu, Hotel Gran Marquise, GVA, Ilhas Seychelles, Visit Monaco e Noruega.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA