Navio no Uruguai tem metade dos passageiros com covid-19

|

Divulgação
Navio da Aurora Expeditions tem 128 pessoas a bordo contaminadas
Navio da Aurora Expeditions tem 128 pessoas a bordo contaminadas
O Greg Mortimer, navio da Aurora Expeditions, está ancorado na costa do Uruguai com mais de metade das 217 pessoas a bordo contaminadas pelo coronavírus. O cruzeiro com destino à Antártida está na costa uruguaia desde 27 de março. 128 passageiros testaram positivo para o covid-19, sendo que seis já foram levados para o hospital e estão em condição estável.

"Estamos trabalhando em fretamentos e voos para todos a bordo, com o objetivo de desembarcar nossos passageiros o mais rápido possível. Embora nosso plano preferido tenha sido desembarcar todos os passageiros simultaneamente, a natureza da situação e a dificuldade de garantir voos significam que é provável que os passageiros australianos e da Nova Zelândia deixem o navio antes que os europeus e norte-americanos", afirmou um porta-voz da Aurora Expeditions.

A companhia foi informada de que os passageiros europeus e americanos que testaram positivo para o covid-19 devem esperar até obter um resultado negativo, após o qual poderão ser organizadas as partidas para os países de origem com escala em São Paulo. Todos os passageiros serão testados novamente a cada dois ou três dias, com base na disponibilidade do laboratório uruguaio para poder processar os resultados do teste.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA