DESTINOS

Turismo da Jamaica comemora números recordes em feira


Divulgação
David Dobson, do Ministério do Turismo, Omar Robinson, do JHTA, Shernette Crichton, do resort Half Moon, Camile Glenister, do Escritório de Turismo da Jamaica, Angella Bennett, diretora regional para o Canadá do órgão, Donovan White, diretor de Turismo da Jamaica, e Guy Steuart, do Half Moon
David Dobson, do Ministério do Turismo, Omar Robinson, do JHTA, Shernette Crichton, do resort Half Moon, Camile Glenister, do Escritório de Turismo da Jamaica, Angella Bennett, diretora regional para o Canadá do órgão, Donovan White, diretor de Turismo da Jamaica, e Guy Steuart, do Half Moon
A 29ª edição da feira anual Jamaica Product Exchange (Japex), realizada no Centro de Convenções Montego Bay, recebeu 91 empresas fornecedoras, representadas por 220 delegações, que participaram de mais de mil reuniões de negócios. Entre as nacionalidades estiveram executivos dos Estados Unidos, Canadá, América Latina e Europa. Foi revelado também um balanço positivo do destino.

Houve crescimento de 9,1% em agosto de 2019 e o setor alcançou uma receita de US$ 2,39 bilhões, o que representa um crescimento de 12% nos ganhos. As projeções indicam um aumento nas chegadas via escala para a ilha de 7% no último trimestre do ano, elevando a um total de 2,68 milhões de chegadas neste ano.

“A Jamaica vem experimentando números recordes, passa por fase de grandes empreendimentos neste momento e tem recebido o reconhecimento global como nunca antes”, afirma o diretor de Turismo, Donovan White. “Este é o maior meio de ganhos da ilha com o mercado exterior e o segundo maior empregador de capital humano. Estamos muito orgulhosos de compartilhar que a indústria está novamente preparada para atingir um ano de crescimento em chegadas e ganhos.”

O Escritório de Turismo da Jamaica anunciou um comprometimento extra com os principais mercados já existentes, incluindo Nova York e Detroit, com a inclusão de rotas diretas em frequências diárias da American Airlines e Delta para Montego Bay. Outras adições de transporte aéreo incluem aumento de frequências via Manchester, no Reino Unido, Moscou, na Rússia e Lima, no Peru.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA