DESTINOS

Chile vai ao Rio negociar edição do Rock in Rio para 2021


Divulgação
Wilson Witzel e Otávio Leite recebem a subsecretária de Turismo do Chile, Mónica Zallaquett.
Wilson Witzel e Otávio Leite recebem a subsecretária de Turismo do Chile, Mónica Zallaquett.
Na manhã desta sexta-feira (4), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, e o secretário de Turismo do Estado do Rio de Janeiro, Otávio Leite, se reuniram com a subsecretária de Turismo do Chile, Mónica Zalaquett, com o intuito de debater promoção conjunta em ambos os destinos. A ideia é que sejam realizadas ações conjuntas em feiras e eventos de grande porte no Brasil e no Chile.

Entre os assuntos tratados está o aumento da conectividade aérea com a estreia de voos de seis novos destinos brasileiros para o Chile neste ano: Brasília, Recife, Salvador, Florianópolis, Curitiba e Foz do Iguaçu (PR). Para Mónica Zalaquett, essa ampliação de voos ajudará a democratizar as viagens para o país andino. Somente em 2018, foram 589 mil turistas.

O encontro faz parte da agenda da subsecretária de Turismo, que visita a cidade carioca com uma delegação de 35 chilenos - entre empresários e autoridade - para conhecer o Rock in Rio 2019 com o objetivo de negociar a realização de uma edição chilena do evento em 2021.

Participaram também da reunião o cônsul do Chile no Rio de Janeiro, Juan Carlos Barrientos, e a CEO da Imaginadora - representante do Sernatur Chile no Brasil -, Ana Maria Donato.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA