Sem previsão de reabertura, Sergipe quer rotas integradas no Nordeste

|

Flickr/Rosanetur
As praias e outros atrativos permanecem fechados em Aracaju e no interior do Estado
As praias e outros atrativos permanecem fechados em Aracaju e no interior do Estado
Na segunda live Check Point sobre a retomada do Turismo no Nordeste, realizada hoje (8), o secretário de Turismo do Sergipe, José Sales Neto, afirmou que não há previsão de reabertura das atividades turísticas e econômicas, já que o Estado está na fase de crescimento acelerado da contaminação de covid-19. Ainda que tenha sido autorizado a reabrir, grande parte do setor hoteleiro permanece fechada, assim como bares, restaurantes, praias e passeios náuticos.

De acordo com Sales Neto, o momento atual exige cautela e preparação para a retomada. “Precisamos ter a consciência de que é preciso fazer uma reabertura segura. Continuaremos avaliando a situação e, assim que a curva da covid-19 começar a cair, discutiremos a flexibilização da retomada dos setores. Por enquanto, estamos nos preparando com os protocolos de biossegurança para quando este momento chegar”, afirmou.

Divulgação
O secretário de Turismo do Sergipe, José Sales Neto
O secretário de Turismo do Sergipe, José Sales Neto
Visando oferecer auxílio ao trade, o Estado ofereceu linhas de crédito diferenciadas, com flexibilização de juros e aumento do prazo de pagamentos. Houve ainda um trabalho conjunto com as operadoras para promover treinamentos aos agentes de viagens do Sergipe.

Assim como o Maranhão, Sergipe direcionará o investimento em divulgação para o Turismo regional, além de roteiros integrados com outros Estados do Nordeste. "Vamos procurar a Bahia, Alagoas e outros Estados, pois precisamos criar roteiros integrados como há na Europa, em que o turistas fica três noites em cada país", disse.

Sales Neto afirmou ainda que a secretaria do Estado realizará uma live no dia 22 de julho para divulgar os protocolos de saúde e segurança. “O nosso diálogo com as entidades do Turismo tem sido muito intenso para ajudar na retomada e estamos contando com a ajuda de todas elas para divulgarmos essas medidas”, ressaltou.


 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA