A França diante das novas restrições sanitárias

|

A partir deste sábado (17), a França entrará em uma nova fase de restrições sanitárias. Entre as principais medidas, o toque de recolher entre 21h e 6h nas grandes cidades foi a norma escolhida para tentar conter a segunda onda de propagação do coronavírus. Na mesma data, iniciam-se as férias escolares e para alegria de muitos franceses, será permitida a locomoção sem restrições pelo território nacional.
Unsplash
O governo francês aplicará multas para quem desrespeitar as novas restrições
O governo francês aplicará multas para quem desrespeitar as novas restrições
No entanto, os cidadãos que forem vistos circulando pelas ruas após às 21h, deverão pagar uma multa de 135€ e o governo recomenda que a população restrinja seu círculo social e permaneça de máscara durante todo o tempo de convívio.

As novas restrições sanitárias aplicadas na região francesa têm recebido diversos tipos de reações. Funcionários da saúde e da segurança pedem por mais investimentos e apoio do governo, enquanto proprietários de bares e restaurantes se veem de mãos atadas.

No blog Direto de Paris, Silvia Helena, da Holatour, conta um pouco mais sobre as principais mudanças que a França vem enfrentando neste momento de retomada.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA