Peru reabre fronteiras ao mundo, mas restringe ao Brasil

|


Wikicommons
Lima, capital do Peru
Lima, capital do Peru

O governo do Peru derrubou a obrigatoriedade de quarentena para viajantes internacionais, mas o Brasil é uma das exceções desta lista, ao lado da África do Sul e da Índia. É o que consta em documento emitido pelo país andino.

Isso significa que, até 30 de maio, o ingresso de não-residentes do Peru oriundos do Brasil, que estiveram ou realizaram escala em território brasileiro nos últimos 14 dias devem cumprir um período de isolamento também de 14 dias contados desde a chegada no destino.

Quem não esteve no Brasil, na África do Sul ou na Índia nos últimos 14 dias pode ingressar no Peru mediante uma declaração juramentada e a apresentação de um teste PCR ou antígeno negativo obtido em até 72 horas antes do embarque.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA