Canadá planeja reabrir fronteiras com os EUA em 22 de junho

|


Pixabay/chapay
As fronteiras entre o Canadá e os EUA foram fechadas em março de 2020
As fronteiras entre o Canadá e os EUA foram fechadas em março de 2020
O Canadá planeja flexibilizar as restrições de viagens nas fronteiras com os Estados Unidos em 22 de junho. De acordo com o portal Travel Agent Central, a notícia foi divulgada pelo ministro de Segurança Pública do Canadá, Bill Blair, durante uma reunião virtual em 28 de maio. As fronteiras terrestres foram fechadas desde o início da pandemia, em março de 2020.

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, disse que espera que pelo menos 75% da população canadense receba as primeiras doses da vacina e que 20% seja totalmente vacinada antes que o país comece a aliviar as restrições, o que incluiria a reabertura de suas fronteiras. Atualmente, 63% da população recebeu pelo menos uma dose, mas apenas 8,5% dos cidadãos estão totalmente vacinados.

As restrições atuais permitem a entrada no país apenas por motivos essenciais. Além disso, os viajantes devem fazer o teste de covid-19 com antecedência e permanecer em quarentena por 14 dias após a chegada no Canadá, independentemente do estado de vacinação.

ABORDAGEM COLABORATIVA
De acordo com a Reuters, o governo Biden está formando grupos de trabalho para determinar a melhor forma de reiniciar as viagens com o Canadá, México, União Europeia e Reino Unido. Os grupos serão liderados pela força-tarefa do coronavírus na Casa Branca e pelo Conselho de Segurança Nacional, e incluirão o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC), juntamente com outras agências dos EUA.

"Esse anúncio marca um passo importante em nossa recuperação nacional da pandemia. A US Travel e seus membros acreditam que uma força-tarefa público-privada pode desenvolver rapidamente um plano para retomar as viagens internacionais e dar início à recuperação econômica. Com a redução das taxas de contágio nos Estados Unidos, combinada com a meta de vacinação do governo, há uma verdadeira oportunidade para começar a receber de volta os visitantes internacionais com segurança. A indústria de Viagens elogia o governo Biden por dar esse passo crítico e necessário na frente internacional e esperamos trabalhar com o governo federal de todas as maneiras possíveis para fazer avançar esse processo", disse o presidente e CEO da US Travel Association, Roger Dow.

No fim de maio, o Departamento de Segurança Interna (DHS) dos Estados Unidos disse que as fronteiras terrestres com o Canadá e o México permanecerão fechadas pelo menos até 21 de junho para viagens não essenciais.


*Fonte: Travel Agent Central

conteúdo original: https://bit.ly/3v5G3KF
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA