São Luiz do Paraitinga e mais cidades de SP cancelam carnaval 2022

|


Agência Brasil
Dezenas de cidades paulistas já decidiram nõa realizar festas de carnaval em 2022
Dezenas de cidades paulistas já decidiram nõa realizar festas de carnaval em 2022
Apesar do avanço no processo de vacinação pelo Brasil, algumas cidades de São Paulo - Estado onde o processo de imunização foi inaugurado no País - já confirmaram a decisão de cancelar a realização das festas de carnaval em 2022. Aproximadamente 70 prefeituras de diversas regiões paulistas optaram pelo cancelamento do evento alegando que a ideia agora é afastar qualquer risco de novas ondas de contaminação pela covid-19.

Alguns exemplos de prefeituras que já confirmaram o cancelamento em seus sites oficiais foram Sorocaba, Suzano, Botucatu, Mogi das Cruzes, Franca, Jundiaí e São Luiz do Paraitinga, esta última com um dos carnavais mais tradicionais do Estado.

A maior parte dessas prefeituras justifica a decisão dizendo que temem que a folia possa gerar uma nova onda de contaminação do coronavírus e volte a elevar o número de casos e óbitos.

A média móvel diária de mortes, conforme aponta o relatório de ontem (23), é de 72 no Estado de São Paulo. O indicador é 15% maior do que o registrado há 14 dias, o que para especialistas indica tendência de estabilidade. Já a média diária de casos é de 1,4 mil, valor 33% maior do que o de 14 dias, o que aponta tendência de alta.

A situação econômica de alguns municípios é outro argumento citado para a não realização do carnaval. Em Sorocaba, por exemplo, a prefeitura informou ainda na semana passada que não aplicaria recursos públicos para a realização do evento. A postura foi seguida pela gestão pública de outras cidades, que se manifestaram de maneira semelhante.

Na capital paulista, o cronograma segue mantido. No início do mês, a prefeitura já começou a receber inscrições para desfiles de blocos de rua.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA