Israel retira obrigatoriedade de teste PCR a partir de 20 de maio

|

Unsplash/Robert Bye
Não será necessário apresentar resultado negativo no teste covid na chegada em Israel
Não será necessário apresentar resultado negativo no teste covid na chegada em Israel
Em um cenário de aumento do Turismo e diminuição de infecções por covid-19, o governo de Israel confirmou que, a partir da meia-noite entre 20 e 21 de maio, os testes de PCR não serão mais necessários na chegada a Israel ou isolamento por 24 horas. A partir deste sábado (21), turistas e cidadãos israelenses que entrarem no país não terão de realizar o teste.

Segundo as autoridades israelenses, não será necessário apresentar um resultado negativo no teste de covid-19 antes de embarcar em um voo ou cruzeiro para Israel. Também não será mais necessário isolamento por 24 horas depois de entrar no país.

Embora o uso da máscara tenha sido suspenso no destino, o governo ressalta que permanece necessário o uso de máscaras em voos internacionais. Além disso, a exigência de preencher uma declaração de entrada on-line antes de chegar a Israel por via aérea ou marítima seguirá em vigor. As novas regras e orientações podem ser encontradas aqui no site oficial do governo de Israel.

Este cenário tem como pano de fundo um aumento lento e consistente do Turismo receptivo a Israel pós-pandemia. Em abril de 2022, foi registrada a entrada de 207,4 mil turistas (em comparação com 30,2 mil em abril de 2021 e 405 mil em abril de 2019). Os estudos apontam para uma continuação da tendência de recuperação do Turismo receptivo a Israel, com um aumento significativo em relação a abril de 2021 e uma queda de cerca de 49% em relação a abril de 2019. O ritmo de entradas de turistas até o momento representa a base para uma previsão de 1,5 a 2 milhões de entradas de visitantes em 2022.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA