China reduz tempo de quarentena para viajantes internacionais

|


Unsplash/Macau Photo Agency
Na China, o período de isolamento, que era de 21 dias em hotel, passará para sete, com mais três dias de observação domiciliar
Na China, o período de isolamento, que era de 21 dias em hotel, passará para sete, com mais três dias de observação domiciliar
A China vai reduzir o período de quarentena exigido para viajantes estrangeiros que chegarem ao país. A medida faz parte do 9º estágio do plano de controle da covid-19 e é mais um passo no conjunto de flexibilizações das restrições impostas para controlar a proliferação da doença em cidades chinesas.

O período de isolamento, que era de 21 dias em hotel, passará para sete, com mais três dias de observação domiciliar, conforme anunciou a Comissão Nacional de Saúde do país oriental.

Nos últimos meses, a China diminuiu cautelosamente as restrições aos viajantes estrangeiros, com autoridades de saúde dizendo que o período de incubação mais curto da variante ômicron permite um ajuste do tempo de quarentena.

Conforme divulgado pela Reuters, o órgão regulador de aviação da China divulgou que entrou em contato com outros países para aumentar o número de voos no 2º semestre de 2022. A flexibilização das medidas de controle foi bem aceita e deve representar aumento no número de voos para as cidades chinesas.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA