ECONOMIA E POLÍTICA

MTur fará concessão de parques naturais à iniciativa privada

MTur / Luciani Candisani
O cicloturismo está entre as atividades que serão incentivadas
O cicloturismo está entre as atividades que serão incentivadas

A cerca de 43 quilômetros da cidade de Porto Seguro (BA), o Parque do Pau Brasil deverá se firmar como novo atrativo turístico da região. A novidade se deve ao edital publicado no Diário Oficial da União, que prevê a concessão de serviços de apoio à visitação, ao ecoturismo e à recreação em contato com a natureza.

A ideia é melhorar a infraestrutura da unidade de conservação para que possa receber cada vez mais turistas e visitantes.

“Enquanto recebemos dez milhões de visitantes em nossas unidades de conservação no último ano, os parques nacionais americanos receberam 307 milhões, o que mostra que ainda precisamos avançar no ecoturismo e turismo de natureza”, destaca o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

Segundo ele, a licença de serviços essenciais nessas unidades irá contribuir para um salto de qualidade no receptivo. “Ao melhorar as condições para a visitação, estaremos estimulando a economia e gerando emprego e renda nas comunidades que ficam ao redor dessas unidades.”

A CONCESSÃO
O prazo previsto para a concessão é de 20 anos, com valor de outorga de R$ 6 milhões e R$ 7,2 milhões de investimentos estimados. O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) prepara editais para a concessão de outros seis parques nacionais. São eles: Chapada dos Veadeiros (GO), Lençóis Maranhenses (MA), Itatiaia (RJ), Caparaó (MG), Jericoacoara (CE) e Serra da Bodoquena (MS).
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA