Como será a retomada de viagens no Centro-Oeste?

|

Artur Andarde, da PANROTAS, Bruno Wendling, da Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul, Fabrício Amaral, da Goiás Turismo, e Jefferson Moreno, da Secretaria de Turismo do Mato Grosso, participaram da live
Artur Andarde, da PANROTAS, Bruno Wendling, da Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul, Fabrício Amaral, da Goiás Turismo, e Jefferson Moreno, da Secretaria de Turismo do Mato Grosso, participaram da live
A retomada do Turismo na região Centro-Oeste foi o tema da live Check Point esta semana. Realizada hoje (23), a reunião recebeu Bruno Wendling (diretor-presidente da Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul), Fabrício Amaral (presidente da Goiás Turismo) e Jefferson Moreno (secretário-adjunto de Turismo do Mato Grosso). A mediação ficou por conta do editor-chefe da PANROTAS, Artur Luiz Andrade, e os assuntos foram das ações imediatas de cada Estado a um plano conjunto para a região.

Em fases parecidas do enfrentamento à pandemia, os três Estados vivem perspectivas e percalços semelhantes. Mas cada um com sua singularidade. Com seus principais atrativos turísticos reabertos, Goiás agora concentra seus esforços no aprimoramento dos protocolos de saúde. Já no Mato Grosso, a integração de roteiros pode ser uma saída interessante para a reativação do setor. No Mato Grosso do Sul, o plano de retomada se dá em dois eixos, ambos com ações em andamento.

Assista abaixo na íntegra à live Check Point, parceria da PANROTAS com a Imaginadora e apoio R1:

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA