Vacina Coronavac apresenta 78% de eficácia no Brasil

|

Governo de SP/Emanuel Borges
O governo de São Paulo finalmente divulgou o índice de proteção da Coronavac, vacina contra a covid-19 fabricada na China pela Sinovac e que será produzida no Brasil pelo Instituto Butantan: 78% de eficácia contra casos leves. O estudo não incluiu os casos mais graves, mas a vacina garantiu proteção contra mortes e o agravamento dos infectados em 100% dos que tomaram a coronavac.

O Butantan deve pedir registro para uso emergencial à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o governo de São Paulo quer começar a vacinação em 25 de janeiro.

A taxa mínima para aprovação de uma vacina, segundo a OMS, deve ser de 50%. Na Turquia, a coronavac teve índice de proteção de 91,25%

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA