OPERADORAS

Orinter investe no produto nacional e mira em share de 45%


Filip Calixto
Roberto Sanches, Daniel Firmino, Rose Franchini e Ana Maria Berto
Roberto Sanches, Daniel Firmino, Rose Franchini e Ana Maria Berto
A Orinter está investindo fortemente no produto nacional, que hoje corresponde a 13% das vendas, mas segundo a diretora Ana Maria Berto a meta é alcançar pelo menos 45% do share. Além de melhorias no sistema, a empresa contratou Daniel Firmino, ex-Flytour Viagens, que une forças com Rose Franchini na expansão do doméstico. Para comemorar esse novo momento, a operadora realiza hoje a Conexão Brasil, evento que reúne mais de 100 agentes e representantes de receptivos no Circolo Italiano, em São Paulo.

“Esse é o primeiro evento com o tema Brasil da Orinter. O objetivo é apresentar nosso sistema, onde os agentes têm facilidade de montar pacotes com passagens, hotel e serviços bem explicados. Mais do que isso, queremos mostrar também que a Orinter tem produtos de Brasil e boas condições, tanto no aéreo quanto em toda a rede hoteleira, e uma equipe completa de profissionais. Além da Rose Franchini, temos agora um excelente profissional, que é o Daniel Firmino, que levarão a Orinter a um novo patamar”, explica Ana Maria Berto.

Filip Calixto
Evento reúne agentes no centro de São Paulo
Evento reúne agentes no centro de São Paulo
“Tenho certeza que eu e o Daniel faremos um bom trabalho para crescermos ainda mais”, comenta Rose, que já atuava no departamento. “Cheguei para ser um facilitador e contribuir com a operadora, que vai dar muito trabalho”, promete Firmino.

CONEXÃO BRASIL
O evento reúne nesta segunda-feira os principais parceiros na área de receptivos e, segundo Ana Maria Berto, essa é uma oportunidade excelente para que os agentes tirem as suas dúvidas. “Um dos motivos que nos levaram a realizar este evento foi a ideia de reunir os receptivos de quase todas as capitais que trabalhamos. As empresas explicam detalhes sobre os passeios, como se vende, quanto custa e o que o cliente pode encontrar nestes locais, para que os agentes adequem o produto ao perfil de cada viajante”, finaliza.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA