PESQUISAS E ESTATÍSTICAS

Empresas podem crescer mais com personalização e consultoria


Reprodução / Pixabay
Turistas vivem dilema entre viver conectado e dar um tempo para a tecnologia, diz estudo
Turistas vivem dilema entre viver conectado e dar um tempo para a tecnologia, diz estudo
As empresas da indústria de viagens têm uma enorme oportunidade de aumentar as suas receitas por meio da consultoria e experiência personalizada, de acordo com a nova pesquisa da Mintel, organização de pesquisa de mercado. O estudo ressalta que as marcas podem aproveitar as tendências de consumo globais emergentes para se manterem relevantes.

Entre os dados, foi revelado que os feriados devem alcançar o melhor desempenho em termos de crescimento da despesa nos próximos anos, com aumento de 16% até 2022. Além de priorizar experiências ao invés de bens materiais, os consumidores querem cada vez mais que estas experiências sejam mais personalizadas. “Os consumidores agora veem a personalização como um direito, não como um privilégio”, afirma a pesquisa.

No entanto, esse tipo de produto não precisa oferecer nada muito radical. Uma experiência pode significar apenas dar aos consumidores a opção de fugir da praia por um dia e entrar em uma cidade local, sugere a Mintel.

O público também enfrenta um "dilema digital", segundo o autor da pesquisa, Paul Davies, que é diretor da categoria de Pesquisa de Viagem, Lazer e Serviços Alimentícios da Mintel. “Os consumidores encontram-se em uma armadilha. Por um lado, eles querem e esperam poder se conectar a marcas e serviços onde quer que estejam, mas por outro querem escapar da tecnologia em um esforço para desligar e desacelerar.”

CONFIANÇA NOS AGENTES

A pesquisa revela que 31% dos consumidores confiam mais na qualidade de comprar serviço dos agentes de viagens do que on-line, aumentando para 38% na geração de millennials.

“Muitos millennials visitam destinos selecionados ou utilizam marcas de viagens pela primeira vez. Isso os torna mais propensos a procurar conselhos cara a cara de especialistas de agências nas quais eles acreditam que podem confiar.”

A Mintel prevê que o valor do mercado de pacotes de férias do Reino Unido (para viagens ao Exterior) aumentará em quase nos próximos quatro anos, mas o setor precisa se adaptar para uma maior demanda por personalização, a fim de sustentar esse crescimento.

As informações foram reveladas no painel Global Consumer Trends: Opportunities for the Travel Industry, durante a WTM Londres 2018, no Reino Unido.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

As mais lidas agora