PESQUISAS E ESTATÍSTICAS

Gasto médio do brasileiro deve ser de R$ 630 neste carnaval


Prefeitura Municipal do Rio
Uma pesquisa recente realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em todas as capitais brasileiras apontou que 39% dos entrevistados devem sair de suas cidades para curtir o carnaval. Segundo o estudo, o gasto médio do consumidor durante a folia deve ser de R$ 633,97.

Dentre os produtos mais procurados se destacam as bebidas – como cerveja e drinks (49%), água, sucos ou energéticos (46%) e refrigerantes (42%), além de comidas ou lanches fora de casa (49%) e itens para churrasco (40%). Já fantasias e adereços, foram citados por 28% dos entrevistados.

Os dados apontam ainda que 31% dos entrevistados aproveitarão as comemorações no próprio lugar onde moram e 20% ficarão em casa. Os locais de hospedagem mais citados são: casa de familiares e amigos (37%), hotéis ou pousadas (28%) e apartamentos, sítios ou casas alugadas (16%).

A pesquisa também demonstra que a empolgação com os gastos do brasileiro no carnaval, pode comprometer as finanças do brasileiro. “É importante se programar para para viajar, curtir os blocos e as festas ou visitar restaurantes e bares. Apesar de a maioria dos gastos dos foliões estar dentro do orçamento, muitas pessoas podem aproveitar a data mesmo sem ter estipulado um limite de gastos ou ter guardado dinheiro para isso”, avalia o diretor do Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo (IBEVAR), Cristiano Hossri.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA