Movida

Karina Cedeño   |   20/12/2023 14:14   |   Atualizada em 20/12/2023 15:12

1,3 mil hotéis já aderiram ao programa de sustentabilidade do WTTC

Hotel Sustainability Basics fornece critérios de sustentabilidade para hotéis em todo o mundo


Divulgação
Julia Simpsom, presidente e CEO do WTTC
Julia Simpsom, presidente e CEO do WTTC

Em coletiva de imprensa por videoconferência realizada hoje (20), a presidente e CEO do WTTC, Julia Simpson, falou sobre os benefícios do programa Hotel Sustainability Basics, sistema que verifica, de forma on-line, se hotéis estão seguindo práticas de sustentabilidade. A iniciativa global foi lançada pelo WTTC no início deste ano em parceria com a Green Key e a SGS.

“O Hotel Sustainability Basics surgiu de uma clara demanda por parte de marcas hoteleiras para desenvolver critérios de sustentabilidade para a indústria. É importante lembrar que 80% dos hotéis no mundo são pequenos ou de médio porte e é importante que eles recebam apoio para começar a trilhar um caminho de operações mais sustentáveis", destaca Julia.

O programa conta com 12 critérios de sustentabilidade fundamentais e globalmente alinhados, tendo como base três pilares: Eficiência (relacionada a emissões de carbono, redução no consumo de água, energia e outros fatores), Planeta (por meio da eliminação do uso do plástico nos hotéis, uso de menus vegetarianos, entre outras iniciativas) e Pessoas (por meio de ações que valorizem as comunidades locais em torno dos hotéis, utilizando seus produtos, reduzindo desigualdades e gerando emprego).

"Lembrando que esse programa é o mínimo que esperamos dos hoteleiros em questão de sustentabilidade. O ideal é que eles utilizem o sistema para nortearem suas ações sustentáveis e, posteriormente, deem continuidade a elas e participem de outros programas, mais abrangentes".

1,3 mil hotéis de 30 países já aderiram ao programa (a expectativa é dobrar esse número para 2024), mas o Brasil ainda não faz parte dele. “Estou segura de que o Brasil também entrará no programa, afinal, a sustentabilidade é pauta de muitos governos e no País isso não é diferente”, destaca a presidente e CEO do WTTC. Ela também destacou a importância da inauguração do primeiro escritório da OMT no Brasil, localizado no Rio de Janeiro. “Temos muitos negócios a operar no Rio de Janeiro e em todo o Brasil e tenho planos de visitar o País no ano que para falar com autoridades e ministros”.

“Uma das críticas que tenho ouvido dos latino-americanos é o tempo de espera para a emissão de vistos, principalmente dos Estados Unidos. Essa é uma de nossas principais preocupações e é importante que os países adotem sistemas de vistos digitais rápidos”, comenta a presidente e CEO do WTTC..


Os 3 pilares da sustentabilidade para o WTTC

De acordo com a Julia Simpson, são 3 os principais objetivos do WTTC relacionados à sustentabilidade:

Transporte

O objetivo é que os transportes terrestres, como ônibus e automóveis, passem a usar energia elétrica para reduzir a emissão de gases poluentes na atmosfera.

Combustível de aviação

"Estamos com uma grande campanha que pede aos países para investir na produção de combustível sustentável da aviação (SAF). A tecnologia par fazê-lo já existe, já há regulações, mas não estamos produzindo o suficiente e isso não é um problema só das companhias aéreas, mas de todos nós como sociedade. Os governos precisam incentivar produção de SAF", afirma a presidente e CEO do WTTC.

Energia

Segundo Julia, 20% das emissões de carbono estão relacionadas ao uso de energia e é importante usar recursos renováveis. "Hotéis podem usar painéis solares, por exemplo".

Julia também falou do desempenho turístico dos países, destacando o aumento da contribuição do Turismo brasileiro de 7% para 8% do PIB. "2023 foi um ano de consolidação e muito crescimento no setor de viagens e Turismo, os bons resultados têm sido observados em todas as regiões do mundo e podemos dizer que a pandemia ficou para trás", conclui Julia.


Tópicos relacionados

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA

Mais notícias