Uber quer identificar passageiros embriagados; entenda

|

Reprodução YouTube/Uber
Passageiros embriagados podem causar problemas tanto para si próprios como para motoristas. Por isso, a Uber está desenvolvendo uma tecnologia capaz de identificar usuários com níveis de álcool no sangue acima do normal.

De acordo com uma proposta de patente publicada na última semana, a empresa norte-americana quer colocar em funcionamento um sistema baseado em Inteligência Artificial (AI) que compara diferentes momentos de uso do aplicativo pelo usuário, classificando o que parece ser uma utilização normal e o que está fora do padrão.

Alguns quesitos como velocidade de digitação, número de cliques na tela, localização no mapa e horário poderiam ser utilizados para montar tal algoritmo capaz de identificar clientes bêbados antes do embarque em um dos carros que prestam o serviço, evitando possíveis situações desagradáveis ou até mesmo criminosas.

Uma das propostas da Uber seria não permitir que clientes embriagados escolham a opção de corrida compartilhada com outros clientes, o Uber Pool. Esses usuários também seriam vinculados com motoristas mais experientes e com treinamentos para esse tipo de situação.


*Fonte: CNN

conteúdo original: https://cnnmon.ie/2Jrgblt
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA