TECNOLOGIA

Instagram: dicas simples para melhorar seu conteúdo na rede


Filip Calixto
Daniel Paz e Thaís Felix, do Facebook
Daniel Paz e Thaís Felix, do Facebook
PORTO ALEGRE - Mais de 60% dos millennials descobrem seu próximo destino na família de aplicativos Facebook, Instagram e Whatsapp, de acordo com pesquisa da própria empresa. A relevância dessas plataformas em relação ao comportamento do consumidor é extremamente alta, principalmente no Brasil, onde as pessoas são fortemente ligadas às redes sociais. Estar fora desses ambientes pode ser arriscado, como alertam os palestrantes Thaís Felix e Daniel Paz, do Facebook durante este Next Porto Alegre.

A mais inspiradora entre essas três é o Instagram. Muito mais do que uma mera plataforma de álbum de fotos, a rede é hoje um espaço de estilo de vida e de aproximação das pessoas às coisas que elas gostam. O lado bom é que fotos de viagens e destinos são as mais "queridas" pelos usuários do Instagram, portanto perfis de Turismo conseguem maior relevância do que a indústria de cosmético, por exemplo.

"Para aproveitar o Instagram da melhor maneira, crie um perfil comercial. Se já o faz com o pessoal, transforme sua conta em business clicando nos três traços da direita no canto direito superior da tela. O perfil comercial permite com que negócios sejam feitos e mostra, de maneira simples, atividade, conteúdo, público e estatísticas", aponta Thaís Felix, coordenadora de Eventos e Treinamentos da agência Martim Luz para o Facebook. "Assim se pode ver o que está dando certo e o que não está, além do ensaio demográfico, saber se está atingindo o público desejado. São várias as possibilidades que esses dados mostram, bem facilmente."

Ela ainda recomenda que os perfis tenham fotos simples, sem grandes montagens e sem muita informação na mesma imagem. "Seja coerente. A pessoa entra em seu perfil como se estivesse entrando em sua loja. Os usuários tendem a abandonar páginas com excesso de informação", avalia a executiva.

Vídeos e boomerangs também são dicas certeiras, segundo Thaís, pois o cérebro humano é condicionado a captar o movimento.

Ela ainda ressalta a importância do uso das hashtags, desde que feito conscientemente, evitando palavras ou frases genéricas e direcionando melhor o conteúdo a seu público. "Colocar #viagem, por exemplo, não tem muito impacto. A postagem acaba se misturando com muitos outros usuários. Utilize #destinosluademel, #viajarparamonaco, ou, enfim, algo que direcione melhor a seu alvo", recomenda Thaís.

O Next Porto Alegre tem o apoio do hotel anfitrião Intercity Aeroporto, patrocínio da Aeromexico, a GVA, representante de Ilhas Seychelles, Mônaco e Noruega no País, DCS Plus e Cep Transportes.

 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA