Por melhor experiência, BA pretende usar pílulas em pax

|

Proteus
Microchip composto por minerais digeríveis compõe pílula digital
Microchip composto por minerais digeríveis compõe pílula digital
Pensando em atingir um novo patamar de personalização de experiências durante seus voos, a British Airways entrou com um pedido de patente no Reino Unido abordando novos métodos para analisar e captar, em tempo real, informações relacionadas ao conforto do passageiro.

Em sua versão digital, o Evening Standard deu detalhes da patente, que cita até mesmo a utilização de pílulas digitais para a coleta de dados. O sistema, de acordo com o documento que foi publicado pelo órgão responsável no Reino Unido em 16 de novembro, é “um método de controle do ambiente de viagem do passageiro”.

Para obter todas as informações que deseja, o sistema da British contará com sensores variados. Além do chip acoplado a uma pílula comestível, também são utilizados sensores que analisam o movimento e a temperatura corporal, a fase do sono, movimentação ocular, ritmo cardíaco. Com os resultados obtidos, a tripulação seria informada em tempo real se o passageiro está “acordado, dormindo, com fome, nervoso, com calor, frio ou desconfortável”.

O serviço seria complementado por um aplicativo móvel, contendo informações do passageiro, como temperatura ambiente e quantidade de luz ideais, e ainda entretenimento a bordo personalizável.

Sensores em pílulas como os descritos pelo documento da British já existem e são comercialmente viáveis. No projeto em questão, sua função é de “detectar temperatura interna, acidez estomacal e outras propriedades internas”, repassando tais informações remotamente para dispositivos fora do corpo do passageiro.

Ao veículo, um representante da aérea afirmou que a empresa está “sempre buscando entregar inovações a nossos consumidores, sejam elas em design ou em transformação digital. Dessa forma, desenvolvemos muitas ideias e entramos com diversas patentes”.


*Fonte: Evening Standard

conteúdo original: http://bit.ly/2gsqo37
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA