Setur e Infraero se unem por reformas no Aerop. de Belém

|

Divulgação Setur/Pará
Superintendente da Infraero, Fábio Rodrigues, com o Secretário de Turismo do Pará, Adenauer Góes
Superintendente da Infraero, Fábio Rodrigues, com o Secretário de Turismo do Pará, Adenauer Góes
Nesta quinta-feira (12), o novo superintendente da Infraero no Pará, Fábio Rodrigues, firmou com o Secretário de Turismo do Estado, Adenauer Góes, parceria para melhorar o Aeroporto de Belém. Para os gestores, o aeroporto que em 2016 teve um aumento de 30% no número de passageiros internacionais, fechando o ano com cerca de 145 mil visitantes do Exterior, merece atenção e necessita reformas para estimular ainda mais a vinda de turistas estrangeiros para o estado.

O novo representante da Infraero esboçou um plano de reformas para reunião, apresentando algumas mudanças que precisam ser feitas no aeroporto. Entre elas, a climatização, pinturas de algumas áreas do terminal e a reforma das duas pistas de pouso e decolagem.

Outra importante reforma a ser feita é o reposicionamento do atual Posto de Informação Turística da Setur para uma área de maior visibilidade e convergência do trânsito entre os portões de desembarque, tanto de voos internacionais como nacionais. A reivindicação, feita pelo trade turístico por meio da Associação Brasileira dos Agentes de Viagens (Abav-PA) e da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-PA), traria uma melhor divulgação do turismo e dos destinos no estado.

REFLEXOS ECONÔMICOS
Para Rodrigues, as mudanças podem fazer com que a capital do Pará se torne um centro econômico da Amazônia. “Eu não tenho dúvida que a parceria com a Setur vai fazer com que outros ‘cases’ de sucesso, como o aumento do fluxo de passageiros internacionais, sejam alavancados, para que o aeroporto de Val-de-Cans ofereça mais condições de mobilidade e negócios, fazendo com que Belém se firme com a porta de negócios da Amazônia”, afirmou o superintendente da Infraero.

A avaliação da reunião feita por Adenauer também foi positiva: “Cito entre essas iniciativas a estratégia de atração de novos voos, nacionais quanto internacionais, avançar cada vez mais na capacitação dos prestadores de serviços, divulgação, promoção, posto de informação dos nossos produtos e diferenciais turísticos” comentou o secretário.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA