AEROPORTOS

Air Tkt entra para o conselho PCI SSC (Iata) no Brasil


Divulgação/Air Tkt
Ralf Aasmann, da Air Tkt
Ralf Aasmann, da Air Tkt

O PCI Security Standards Council (PCI SSC) nomeou a Air Tkt para compor seu conselho regional no Brasil. O fórum reúne relevantes empresas e entidades para debater novos padrões em transações de passagens aéreas por meio de pagamentos eletrônicos. Trata-se de um seleto comitê formado pelas principais bandeiras de cartão de crédito, como Visa, Mastercard e American Express, além de empresas como Elo Serviços, Itaú, Cielo e Decolar.com.

A proposta é debater e estimular a adoção de novos padrões e tendências de segurança para transações por meio de pagamentos eletrônicos, apresentando pontos de vista e interesses do mercado brasileiro. A PCI SSC é considerada a principal associação internacional responsável por padrões de segurança para a proteção de dados dos cartões de crédito.

O diretor regional da PCI SSC para o Brasil, Carlos Caetano, ressalta que o comitê "reúne líderes do setor de meios de pagamento, que visa a discutir soluções de modo a proteger os interesses do consumidor no momento da compra de serviços de viagem”.

Segundo o diretor executivo da Air Tkt, Ralf Aasmann, combater fraudes já é uma das principais causas da associação.O objetivo da entidade neste conselho é representar o trade turístico e aprimorar a segurança na aquisição dos serviços de viagem. “A entidade vem trabalhando para coibir as fraudes, distribuindo cartilhas às agências por meio de seis associados e colaborando para a implementação do Payment Card Industry Data Security Standard encabeçado pela Iata”, destaca.

"O Padrão PCI, cujo prazo de adequação vence em março próximo, deve reduzir consideravelmente o fluxo de dados de cartões. Precisamos compreender a real dimensão desse problema, que traz prejuízos financeiros ao setor e ainda fragiliza o consumidor”, conclui Aasmann.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA