Economia: Após recuperação, Brasil terá 2018/19 otimista

|

Previsão é de crescimento do PIB em 2,1% e 2,3% para 2018 e 2019, respectivamente
Previsão é de crescimento do PIB em 2,1% e 2,3% para 2018 e 2019, respectivamente
O ano de 2017 já surge nas declarações dos brasileiros como período de recuperação após grande recessão. Aos poucos, os negócios vão voltando a empolgar o mercado, e no Turismo não é diferente. Mas até onde vai esse otimismo com a economia do Brasil? Segundo o instituto Euromonitor, a expectativa é positiva para um futuro próximo, principalmente após anos complicados.

A previsão de crescimento do PIB para este ano, após o terceiro trimestre, segue como a pior entre os emergentes. China (6,6%), Índia (6,9%), México (2%) e Rússia (1,3%) superam, em muito, o Brasil (0,5%), mas o cenário mostra otimismo. Para 2018 e 2019, a expectativa é de alta de 2,1% e 2,3%, respectivamente, ultrapassando os russos (1,5% e 1,6%), se aproximando dos mexicanos (2,1% e 2,4%) e aumentando em mais de 300%, quando comparado ao ano atual. Em 2016, o Brasil teve uma recessão de 3,6%.

A inflação também cai drasticamente quando comparada ao ano anterior. De 8,8%, tem previsão para descer a 3,8% em 2017 e estabilizar nos dois próximos anos, 4,2% e 4,3%, respectivamente.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA