Destinos locais viram escolha de 80% dos brasileiros

|

Vista aérea de Porto de Galinhas, em Pernambuco

A crise econômica, a alta do dólar e o investimento dos próprios profissionais do Turismo na promoção de destinos nacionais formaram um novo cenário. A pesquisa Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem apontou que 79,7% daqueles que pretendem viajar nos próximos seis meses irão desembarcar dentro do País.

O resultado do estudo do Ministério do Turismo é 5,6 pontos percentuais a mais do que o registrado no mesmo intervalo do ano passado. Na comparação entre os meses de maio de cada ano, este foi o quarto crescimento consecutivo.

Segundo o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, o resultado deve ser interpretado como a soma de fatores como valorização do dólar em relação ao real e também a visibilidade dos destinos nacionais conquistada pela realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. “Os olhos do mundo estão voltados para o Brasil, esse é o melhor momento para divulgar os nossos atrativos”, argumentou.

O crescimento das viagens de ônibus foi outra tendência identificada pela pesquisa. O ônibus atingiu 17,2% da preferência dos viajantes ante 10,9% registrado em igual período de 2015. O aumento, no entanto, não tirou o posto do o avião, que permanece na primeira colocação e é escolhido por 55,6% dos turistas.

A análise foi realizada a partir de dois mil entrevistados em sete capitais, são elas: Salvador, Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília e Recife.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA