ENTRETENIMENTO

Réveillon injeta quase R$ 5 bi em quatro capitais brasileiras


Divulgação Riotur/Fernando Maia
A queima de fogos vista na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro
A queima de fogos vista na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro

Um levantamento feito pela Agência de Notícias do Turismo mostra que quatro das principais festas de réveillon do Brasil (Rio de Janeiro, Salvador, Fortaleza e Florianópolis) injetem R$ 4,9 bilhões nas economias locais.

Tradicional há décadas, a festa de virada do ano Rio de Janeiro, que tem prevista uma queima de fogos de 17 minutos, deve dar as boas-vindas a 2,7 milhões de turistas que vão ter um gasto aproximado de R$ 2,2 bilhões na economia da capital fluminense, aponta a Riotur.

Já em Salvador, a prefeitura estima dois milhões de pessoas na festa da passagem para 2018, das quais 410 mil turistas. Eles devem injetar R$ 405 milhões na economia da capital soteropolitana. O local de concentração desses visitantes será na Arena Cidade da Música, na orla Boca do Rio. A hotelaria, acredita-se, chegará à ocupação máxima.

Um pouco mais acima do mapa, a cidade de Fortaleza prepara atrativos para 1,3 milhão de pessoas, das quais mais de 650 mil turistas que assistirão a 12 shows no aterro da Praia de Iracema. Ao todo, a economia da capital do Ceará será aquecida com R$ 1,5 bilhão, apontam as estimativas.

Por fim, Florianópolis irá abrir as portas para um milhão de turistas. O réveillon na principal cidade de Santa Catarina terá um acréscimo de R$ 780 milhões na economia do destino, avaliou a prefeitura.
 AVALIE A IMPORTÂNCIA DESTA NOTÍCIA